Topo

As Aventuras de Poliana

Cearense troca sonho no futebol para se tornar promessa em novelinha do SBT

Elizangela de Sousa/SBT
Igor Jansen vive seu primeiro papel na TV em "As Aventuras de Poliana" Imagem: Elizangela de Sousa/SBT

Guilherme Machado

Do UOL, em São Paulo

31/05/2018 04h00

Igor Jansen sonhava em ser jogador de futebol. Já conhecendo o mundo da publicidade, ele queria mesmo era ser um ídolo dos gramados. Tudo mudou quando foi chamado para um teste de um projeto misterioso. Quando percebeu, o ator de apenas 14 anos já tinha abraçado a carreira artística.

“Meu pai me levava para a categoria de base do Ceará, time que torço, onde eu treinava. Eu era agenciado e apareceu uma oportunidade de fazer uns testes, não sabia para quê. Comecei a fazer os testes e fui passando, achava que era mais uma propaganda. Até que me chamaram para fazer um filme, tinha que escolher. Acabei escolhendo seguir a carreira de ator”, conta Jansen em entrevista ao UOL.

O filme era a comédia "Shaolin do Sertão" (2016), em que ele teve a oportunidade de contracenar com Edmilson Filho, um de seus atores favoritos, e a mesma equipe de “Cine Holliúdy” (2013), longa que Igor diz já ter visto "mais de 20 vezes". Além de conviver com alguns ídolos, o cinema abriu portas para o ator estreante, que já estreou como um dos protagonistas de "As Aventuras de Poliana", novelinha infanto-juvenil do SBT.

“O SBT procurava um menino arretado. Fiz teste pra ver se dava química entre eu e a Sophia [Valverde, que vive a Poliana]. Se nós dois iríamos fazer sucesso”, conta o ator. Na trama de Íris Abaravanel, inspirada no best-seller de 1913,  ele interpreta o sonhador João que, cansado do jeito truculento do pai, decide fugir para tentar a sorte em São Paulo. Em meio a muitos percalços, ele encontra se torna amigo de Poliana, que lhe ensina o “jogo do contente”, uma prática de tentar ver o lado positivo das coisas, mesmo nas horas mais tristes.

Lourival Ribeiro/SBT
Sophia Valverde e Igor Jansen são Poliana e João, os protagonistas de "As Aventuras de Poliana" Imagem: Lourival Ribeiro/SBT
“Acredito muito no jogo do contente, é uma forma de viver a vida. Você escolhe ficar triste ou ficar alegre. Por isso que chama ‘jogo’, você tem que encontrar uma forma de ficar feliz. Estou praticando o ‘jogo do contente’, claro que nem em todos os momentos dá pra jogar, mas estou tentando”, diz Igor.

Sem nenhuma experiência em novelas, o ator já chega como uma promessa. No evento de lançamento da trama, o diretor artístico, Reynaldo Boury, era só elogios ao jovem que, segundo ele, iria "maravilhar o Brasil".

Igor diz ficar orgulhoso com os elogios, mas não se deixa deslumbrar. “Tenho consciência que tenho que me manter com os pezinhos no chão, estudar muito para crescer e um dia ser o ator que seu Boury está profetizando”.

João Raposo/SBT
João ao lado de seu fiel escudeiro, o cão feijão Imagem: João Raposo/SBT
Fã de de comédia, ele cita os conterrâneos Tom Cavalcante, Falcão e Tirulipa, além do youtuber Whindersson, como alguns dos atores em que se inspira.

Nascido em Fortaleza, filho de uma pernambucana e um cearense, ele fala com carinho de sua infância e de sua família e se mostra animado com as oportunidades que o futuro ainda pode trazer. "Temos dois anos de novela ainda para pensar o que vamos fazer no futuro. Mas por enquanto estou trabalhando com esses atores e atrizes maravilhosos, admiro muito eles. Estamos preparados para realizar uma novela incrível”, torce.  

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!