Topo

Famosos

Léo Santana e Lorena Improta namoram "sem rótulo" e guardam anel de noivado

Guilherme Machado/UOL
Lorena Improta e Léo Santana Imagem: Guilherme Machado/UOL

Paulo Pacheco e Guilherme Machado

Do UOL, em São Paulo

06/06/2018 11h30

Léo Santana e Lorena Improta já terminaram e reataram o namoro duas vezes. Os dois se reconciliaram novamente em abril deste ano. Entretanto, agora, a bailarina já não quer mais rotular a relação.

"Não estamos muito nessa questão de noivos, namorados, se vamos casar. Estamos bem. Essas questões de rotular, ter um anel no dedo, se postar foto está bem e se não postar está separado. Falei: 'Vamos parar de botar esse rótulo na vida da gente. Estando bem entre a gente é o que importa e vamos seguir a vida'", disse Lorena em entrevista ao UOL durante o lançamento da canção "Arrasta", parceria entre Léo e a cantora Gloria Groove.

Na visão do pagodeiro, eles ainda são noivos, mas ele conta que eles já não usam mais as alianças, que foram guardadas. "Acho que agora ela [Lorena] só quer usar quando casar", relata ele.

O cantor conta que ainda planeja se casar nos próximos dois anos: "Eu sempre sonhei com isso, seguir o legado de meus pais". Léo ainda diz que quer ter três filhos. "Mas ela [Lorena] só quer dois", brinca ele.

"Se for para terminar, vamos de novo"

Léo e Lorena sofreram pressão dos fãs após o segundo término do noivado. O cantor chegou a ser criticado pelos fãs da bailarina por conta do fim da relação. Ela afirma que não se incomoda com os comentários e que não viveria um romance de aparência.

"As pessoas fazem como se fosse uma obrigação do artista ser perfeito e tem que viver felizes para sempre. Léo e eu somos muito reais. Se a gente mostra que terminou, é porque a gente realmente não 'liga' para a questão da mídia, porque há casais que estão mal e querem levar como se fossem perfeitos. Não vou sustentar um relacionamento porque as pessoas querem que seja perfeito. Se for para terminar, vamos de novo. Se for para voltar, também, e até onde Deus quiser que aconteça. Deixa Deus conduzir, se for para a gente ficar junto, casar e ter filhos, vamos ficar. Se não for, a gente se gosta muito e eu sei que vamos torcer um pelo outro durante muito tempo", afirma ela.

Ela garante que não se importante com a cobrança por conta do romance: "Há uma cobrança muito grande em cima da gente que eu converso com ele direto, tanto que agora decidimos ficar um pouco mais para a gente mesmo. Querendo ou não, são ossos do ofício, trabalhamos na mídia e as pessoas querem saber da nossa vida. Preferimos manter mais para a gente para evitar um pouco esse desgaste, midiaticamente falando. Mas o amor não acaba por causa disso não".

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!