Topo

Televisão

Torloni terá namorado 32 anos mais novo em novela e reclama de preconceito

Globo/João Miguel Júnior
Christiane Torloni será Carmen em "O Tempo Não Para" Imagem: Globo/João Miguel Júnior

Guilherme Machado

Do UOL, em São Paulo

20/06/2018 04h00

Após dois anos, Christiane Torloni voltará às novelas. Ela será uma das estrelas de "O Tempo Não Para", de Mario Teixeira, próxima das sete. Ela fará Carmen, uma empresária bem-sucedida que se envolverá com Lalá, seu personal trainer, um rapaz ambicioso que quer se aproveitar do dinheiro dela. Ele será interpretado pelo cantor e ator Micael Borges, 32 anos mais jovem.

Para a atriz, o preconceito em relação a casais com grande diferença de idade ainda existe, mas está restrito às mulheres mais velhas. "Ninguém tem problema nenhum de encontrar um homem com uma mulher 20, 30 anos mais nova do que ele. Aliás, é um prêmio", reclamou durante o evento de lançamento do novo folhetim, em São Paulo. Ela acredita que houve avanços na sociedade, porém têm a ver com o poder econômico, e não com uma mudança de pensamento das pessoas.

"É impressionante como nós ainda temos conceitos e preconceitos do século 19 no século 21. E a gente acha que eles são bons de algum jeito. 'Ah, eles nos trouxeram até aqui'. Não! Eles nos impediram. A mulher pode não ganhar a mesma coisa, mas como ela finalmente entrou no mercado de trabalho, e o que manda no mundo é a economia, as coisas estão mudando. Por meio da grana, as mulheres podem sair com quem elas quiserem, hoje mais do que há só 50 anos. Única e exclusivamente por causa disso, a cabeça das pessoas não mudou."

Torloni também não se mostrou nada animada com a situação política do país. "Por que não voltamos a usar cinto de castidade logo? Já que é para involuir tanto...Vamos acabar com a democracia também, oba!", ironizou. "Me assusta termos uma bancada ruralista mandando no país, 'BBB', Bala, Bíblia e Boi, e não termos um índio no Congresso. Ou você acha que essa coisa toda dos caminhoneiros é geração espontânea? Essa má gestação que vivemos, a quem interessa o caos? A quem está queimando, derrubando, matando", analisou.

Nova novela

Globo/joão Miguel Júnior
O núcleo protagonista de "O Tempo Não Para" Imagem: Globo/joão Miguel Júnior

Apesar das frustrações com o momento do país, a atriz se mostra animada para o novo trabalho --sua última novela foi "Velho Chico", em 2016, na qual formou par romântico com o ator Antonio Fagundes.

"São personagens tão diferentes. Em 'Velho Chico', era uma personagem muito contida. Era um trabalho de muita concentração, trabalhava muito mais no olhar, no silêncio do que no texto. O universo [da novela] foi criado para ser assim", relembrou.

Ela também fica feliz em poder, agora, explorar nuances do relacionamento entre mãe e filho --na novela, ela será mãe de Nicolas Prattes, que vive Samuca, um dos protagonistas.

"A Carmen é adorável. É uma mulher como a maioria das mulheres do século 21 da novela, já batalhadora, de alguma maneira bem-sucedida e tem uma relação adorável com o filho. Isso acontece muito com as mães que criaram seus filhos sozinhas, uma parceira natural. Os meninos de um modo geral começam a querer proteger a mãe muito cedo. É muito engraçado. Então, tem uma relação de companheirismo que é muito interesse com o personagem do Nicolas", adiantou.