Topo

Televisão


A pedidos, humorista imita "sósia" Gilmar Mendes pela primeira vez na TV

Saulo Laranjeira imita Gilmar Mendes em "A Praça É Nossa" - Montagem/UOL
Saulo Laranjeira imita Gilmar Mendes em "A Praça É Nossa" Imagem: Montagem/UOL

Paulo Pacheco

Do UOL, em São Paulo

14/07/2018 04h00

A semelhança física entre o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes e o deputado corrupto João Plenário, de "A Praça É Nossa", impressiona tanto que virou motivo de piadas na internet. A brincadeira, finalmente, migrou para a TV. O humorista Saulo Laranjeira, que dá vida ao político no SBT, atendeu aos pedidos do público e imitou o jurista pela primeira vez na televisão.

"Antes de surgir o Gilmar Mendes, João Plenário já era muito conhecido e as pessoas inventavam um político que ele lembrava. Depois que ele se tornou uma figura extremamente conhecida por causa da Lava Jato, as pessoas fazem muito essa identificação com o deputado. No aeroporto e na rua, as pessoas apontam: 'Olha o Gilmar!', aumentou muito, demais da conta. Na verdade, ele é parecido com o João Plenário", brinca o ator em entrevista ao UOL.

Saulo Laranjeira usou a semelhança entre seu personagem e o ministro na última quarta-feira (11), quando deu vida a Gilmar Memes --em referência às zoeiras na internet. Para se transformar, o humorista só precisou de uma capa semelhante à que ele usa no STF e nem precisou fazer caras e bocas para imitá-lo. Afinal, já tem cara e boca idênticas às do jurista.

"Fizeram tanta brincadeira com a semelhança do rosto do João Plenário com o do Gilmar Mendes que falei: 'Ah, não é para imitar, é simplesmente lembrá-lo porque o que está aí é ótimo'. Nem preocupei com isso. Foi uma brincadeira solta, porque é muito parecido: a careca, o rosto, principalmente quando João Plenário faz aquela boca muito parecida com a do Gilmar. Facilitou visualmente", explica.

"Praça" satiriza soltura de Lula (Porpetone) com Gilmar Memes (Saulo Laranjeira) e Sergio Morno (Viny Vieira) - Reprodução/SBT
"Praça" satiriza soltura de Lula (Porpetone) com Gilmar Memes (Saulo Laranjeira) e Sergio Morno (Viny Vieira)
Imagem: Reprodução/SBT

Gravação às pressas

Laranjeira, que neste fim de semana está em São Paulo com a peça "A Arte do Humor", incorporou Gilmar Mendes a pedido de Carlos Alberto de Nóbrega, que queria brincar com a soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no último domingo. O programa inteiro tinha sido gravado na semana passada, antes da disputa jurídica, mas o líder da "Praça" aproveitou o calor do assunto e escreveu o quadro na véspera de ir ao ar.

"O tema estava muito atual, então o Carlos abriu uma exceção. Foi uma coisa de última hora, resolveu colocar no dia e fez uma edição a toque de caixa, mas terminou dando certo. Ficou bacana, bem factual", elogia. No quadro, Gilmar Memes solta Lula (Alexandre Porpetone) e contraria Sergio Morno (Viny Vieira), sátira ao juiz Sergio Moro.

É a segunda vez em menos de um mês que Carlos Alberto muda a "Praça" às pressas. No dia da abertura da Copa do Mundo da Rússia, estreou um quadro com três socialites comentando futebol, com Dalila de Nóbrega (neta dele), Marlei Cevada, Gabriela Graça (filha de Saulo Laranjeira).

Televisão