Topo

Famosos

Casos de família: atriz global revela que pai de sua filha é ex-concunhado

Fagner Soares/Divulgação
Letícia Almeida com a pequena Maria Madalena, de cinco meses Imagem: Fagner Soares/Divulgação

Carolina Farias

Do UOL, no Rio

07/08/2018 16h38

A história de uma jovem atriz da Globo ganhou contornos que parecem enredo de Nelson Rodrigues. Letícia Almeida, que fez "Meu Pedacinho de Chão" e a série "Dois Irmãos", revelou em seu perfil no Instagram, no último domingo (5), a verdadeira paternidade de sua filha, Maria Madalena, a Madah, de cinco meses.

A menina não é filha de seu ex-namorado, o cantor Saulo Poncio, da dupla pop UM44K, e sim de seu ex-concunhado, o também cantor, Jonathan Couto, casado com Sarah Pôncio, irmã de Saulo.

"Hoje é o dia que eu dou um basta, definitivamente, em toda e qualquer especulação sobre minha vida pessoal e da minha filha. Espero que a partir desse dia eu não receba mais mensagens negativas direcionadas a mim e a minha família. [...] Venho publicamente anunciar que [como a maioria já especulava], sim, a Madah é filha do Jonathan Couto. E, como MULHER, peço que qualquer tipo de preconceito e julgamento sejam deixados de lado nesse momento pra que vocês entendam de uma vez por todas que a VERDADE é só uma, e ela não vai mudar", escreveu Letícia.

A atriz ainda pede na postagem, que teve mais de 61 mil curtidas até a tarde desta terça-feira (7), que não sejam mais feitas perguntas sobre a história envolvendo ela e o pai da menina. "Certas coisas não precisam ser expostas pois tudo que se é escrito se perpetua e não quero que minha filha tenha em sua vida um estigma que ela não merece ter."

Em uma entrevista no ano passado, já grávida, ao "GShow", site de entretenimento da Globo, Letícia afirmou que a gestação não havia sido planejada e que tinha um relacionamento com Saulo.

"Não esperava a gravidez nesse momento. No começo, foi um susto e surgiu como algo inesperado. Mas logo depois todos apoiaram. Agora, é só felicidade", disse, à época.

Foi a própria Letícia quem apresentou Sarah a Jonathan. Além de serem cunhadas, as duas frequentavam a mesma igreja, como contou Sarah em um vídeo publicado nas redes sociais no ano passado. Ela se casou com Jonathan, tem um filho com ele, José, de 1 ano, e está grávida de outro menino, João. 

Após engravidar, Letícia foi morar com Saulo. Após a criança nascer, ele resolveu fazer um teste de paternidade - mesmo após ter registrado a criança - e descobriu não ser pai de Madah. "Passei um mal bocado, confesso que ainda estou me recuperando, mas a vida precisa seguir. Resolvi me desligar do meu relacionamento, que não estava bem há muito tempo. Quanto a Maria Madalena, essa é minha filha, essa não tenho como me desligar. [...]Como poderia pegar de volta ou retirar todo amor de um pai que a entreguei", escreveu Saulo em postagem no Instagram, em junho, quando se separou de Letícia.

Nesta terça-feira, Sarah também se pronunciou no Instagram com um textão falando de fé e família. "Quero dizer a todos que estamos todos bem. Isso tudo é de real importância que tenho a transmitir a vocês. Lembrando que só o amor constrói." Ela elogiada pelo marido. "Eu tenho muito orgulho de você e da mulher que você é".

Jonathan manifestou sobre a revelação de que é pai da filha de Letícia no comentário de uma seguidora, também nesta terça-feira. "A única vez que a segurei [Madah] foi sabendo que ela era minha sobrinha. [...] Tudo irá se resolver e ser esclarecido na Justiça. Não espere por mim explicações na internet porque não darei em respeito a todos os envolvidos, principalmente às vítimas: minha esposa, meu cunhado e principalmente a criança", disse Jonathan.

A reportagem do UOL tentou entrar em contato com Letícia, mas até a conclusão desta matéria ela não havia respondido.