PUBLICIDADE
Topo

Famosos

"Eu estou apagada da história do 'Vídeo Show'", desabafa Maíra Charken

Maíra Charken é entrevistada por Antonia Fontenelle - Reprodução/Instagram
Maíra Charken é entrevistada por Antonia Fontenelle Imagem: Reprodução/Instagram

Rodrigo Soares

Colaboração para o UOL

28/08/2018 07h46

Fora do "Vídeo Show" desde o começo de 2017, a atriz e apresentadora Maíra Charken falou sobre sua saída do programa em entrevista para o canal de Antonia Fontenelle no YouTube. No papo, ela lembrou que ficou apenas 1 mês no comando da atração e o restante do tempo na reportagem. Sincera, ela avalia que seu cargo sempre foi muito desejado e o momento de sua entrada, logo após a saída de Monica Iozzi, não foi fácil.

"Era um cargo que estava muito visado, muita gente fez teste. Eu acho que o elenco (da Globo) praticamente todo fez. Sério, na época era Letícia Lima, Fernanda Souza, Fabiana Karla, muita gente. Eu não tô puxando minha sardinha, mas acho que o momento ali era fogo no c... de qualquer pessoa. De qualquer pessoa que entrasse", disparou a convidada, que brincou sobre a resistência que sofreu dos espectadores, que pediam a volta de Monica. "Eu mandava mensagem falando pra ela voltar".

Maíra disse que a sua chegada foi em um momento muito difícil para a atração. "Eu acho que fui aquela pessoa que chegou contando piada no velório. As pessoas estavam de luto mesmo. Equipe, figurinista, tristes por causa da Monica. (...) Quando eu entrei, o público mudava de semana a semana.  (...) Um programa diário que em um mês você diz que não deu certo? Não dá. Igual as meninas, sei que foram criticadas na estreia. Calma. Tem que esperar", aconselhou ela, citando Fernanda Keulla, Vivian Amorim e Ana Clara, titulares do programa atualmente..

Sobre Otaviano Costa, com quem dividia a bancada, Maíra foi só elogios. "Eu amo o Otaviano. Eu acho que a gente funcionou mais até quando eu fui para a reportagem. Ele ficava tenso querendo ajudar. A gente se ama loucamente, deu muito certo o nosso encontro. Os testes com ele foram maravilhosos. Mas ali, na tensão, vendo eu ser bombardeada, ficava tentando ajudar e também experimentando coisas diferentes", lembrou.

Maíra ainda lamentou o fato de não ter sido convidada para as comemorações pelos 35 anos da atração. "Eu estou apagada da história do 'Vídeo Show'. Não sei (a razão). A despedida do Otaviano (Costa) foi a mesma coisa. Eu postei uma foto com ele na bancada e ele comentou e falou que nossa história tá no coração, que não foi apagada, mas foi apagada da história deles. Não só a minha. Rafael Cortez também não aparece, e ele esteve na bancada. Aline Prado também passou na bancada, acho que nem a Giovanna Ewbank não entra. Muita gente esteve na bancada, é que no meu caso eu era a oficial, a substituta da Monica Iozzi, eu peguei essa bucha", declarou.

Sobre a atual fase do programa, ela afirma não saber opinar pois não acompanha, mas opinou o que acha que está sendo tentado.

"Não assisti, não consigo mais ver televisão, com criança eu não consigo (ela é mãe de Gael, de 10 meses). Mas eu acho que eles estão tentando acertar, e como a internet está bombando, Ana Clara saiu do 'BBB' com 7 milhões no Instagram, eles querem jogar pra ganhar. Quando tive a reunião com Boninho ele cagava para internet", disse.

Famosos