PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Roberta Miranda revela manias: "Gastei uma fortuna trocando colchões"

Roberta Miranda - Divulgação
Roberta Miranda Imagem: Divulgação

Jonathan Pereira

Colaboração para o UOL

04/09/2018 06h50

Roberta Miranda enumerou suas manias no "The Noite" de segunda-feira (3). A cantora, de 58 anos, listou peculiaridades que vão de elevador a avião, passando por colchões e lençóis.

"Eu tinha uma cisma que, cada pessoa que deitasse no meu colchão, se não desse certo [o relacionamento], a energia não bateria com o próximo. Gastei uma fortuna trocando colchão, colchão é caro", conta.

Ela precisou da ajuda do analista. "Melhorei dessa. Meu analista falou: 'não adianta, o problema não está no colchão, o problema está dentro de você'. Dessa última vez eu menti pra mim: comprei uma capa, faço de conta que mudei o colchão".

A hora de dormir fora de casa também dá trabalho. "Estou aumentando a bagagem pra viajar. Pro mundo todo eu levava um travesseiro e um lençol. Saiu uma matéria que não lavam os lençóis e agora fiquei com neura de pegar bactérias. Ando com três lençóis: um pra forrar [a cama], outro pra forrar por cima e outro de cobrir".

Há outra passagem curiosa. "Tenho um problema seríssimo com elevador também. Um dia arranquei a roupa dentro do elevador. Ele parou, tinha um monte de gente e fiquei sufocada. Faz muitos anos isso, eu nem era conhecida ainda. Fiquei num desespero tão grande, passando mal". recorda.

Chegar nos shows distantes também era um problema. "Tive síndrome do Pânico, quando entrava no aeroporto já ia para os prontos-socorros pelo medo de entrar no avião. É muito difícil, o corpo para. É muito estresse. Tive que fazer análise. Completo 18 anos de análise".

Famosos