Topo

Televisão

Silvio reclama de lugares vagos no auditório: "Assim começa a derrocada"

Reprodução/SBT
Imagem: Reprodução/SBT

Jonathan Pereira

Colaboração para o UOL

10/09/2018 06h30

Silvio Santos não gostou de ver que dois lugares no fundo de seu auditório estavam vazios no programa deste domingo (9). O apresentador, que ia distribuir as notas do "Revólver da Fortuna", chamou a atenção do diretor, Fabiano Wicher, sobre o fato.

"Ô Fabiano, tem duas cadeiras vazias, tá bom? É assim que começa a derrocada. Começa com duas vazias, depois tem cinco, oito, vinte, depois não tem ninguém", reclamou, sendo informado por ele do paradeiro das duas. "Foram ao banheiro? É uma boa desculpa, tá? No outro dia tinham cinco cadeiras vazias. Está começando a esvaziar, está começando a acabar com meu programa, estou avisando".

O dono do SBT seguiu indignado. "É assim que começa. Nunca faltaram duas pessoas, outro dia foram cinco. Cada dia está esvaziando mais. Nada dura para sempre, a gente tem a hora de começar, a de subir e a de descer. Estou descendo", disse, continuando a atração.

Redes sociais

Silvio aproveitou a presença de Christina Rocha no "Jogo das 3 Pistas" para dizer que está de olho no comportamento de seus funcionários longe das câmeras. O dono do SBT afirma que eles não podem mais usar as redes sociais para obterem lucros extras. 

"Você não está fazendo aquele programa de barraco? Outro dia estava vendo, você disse que ia apresentar dois homens sem pinto. Você não pode anunciar assim, não fica bem para você", iniciou, referindo-se ao "Casos de Família", apresentado por Christina todos os dias. 

"Você não recebe o manual de comportamento aos artistas do SBT? A Globo tem manual, sabia disso? Aqui não tem, mas estamos fazendo. Primeiro: no auditório continua só entrando mulher, homem, não. Segundo, artista do SBT não pode aparecer na rede social", continuou, chocando a apresentadora, que quis saber o motivo

"Não vai poder mais porque vocês vêm para cá, aparecem no SBT, depois na rede social fazem anúncio, ganham dinheiro e eu não ganho nada. Vou acabar com esse negócio, a Globo já acabou", explicou Silvio.