PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Médico de reality dos EUA e namorada são acusados de estuprar duas mulheres

Grant William Robicheaux e sua namorada - Reprodução
Grant William Robicheaux e sua namorada Imagem: Reprodução

Felipe Pinheiro

Do UOL, em São Paulo*

19/09/2018 08h01

O cirurgião ortopédico Grant William Robicheaux, que participou de um episódio do reality show "Online Dating Rituals of the American Male", da TV americana, foi acusado de estuprar ao menos duas mulheres.

Ele está sendo investigado pelos crimes junto a sua namorada, Cerissa Laura Riley.

Autoridades alegam que podem haver mais vítimas após encontrarem supostas gravações com o casal em atos sexuais com mulheres inconscientes ou semiconscientes.

Segundo informações da BBC, Grant William e a namorada são suspeitos de atraírem seus alvos usando da "boa aparência".

"As pessoas geralmente acreditam que estupradores têm uma aparência feia, assustadora. A realidade é que eles vêm de todas as classes socieconômicas", disse o promotor o promotor Tony Rackauckas.

As autoridades afirmaram, ainda, que "milhares e milhares" de vídeos de possíveis vítimas foram encontrados nos celulares do casal.

"Há vários vídeos em que as mulheres parecem estar altamente embriagadas, além da capacidade de consentir ou resistir, e mal respondem às investidas sexuais dos acusados. Com base nessa evidência, acreditamos que pode haver muitas vítimas não identificadas por aí", afirmou  o promotor.

Segundo os investidores, o cirurgião e sua namorada trabalhavam em dupla e costumavam encontrar suas vítimas em bares.

Depois de embriagá-las, eles as levavam ao apartamento de Grant William, onde eram abusadas sexualmente.

Segundo as autoridades, ambos foram libertados após pagarem fiança de US$ 100 mil. De acordo com o promotor, se forem condenados, o médico e Riley podem receber uma pena de 40 anos e 30 anos de prisão, respectivamente.

O casal deve ser formalmente acusado perante o tribunal no dia 24 de outubro.

Duas vítimas identificadas

O médico Grant William Robicheaux, suspeito de abusar sexualmente de várias mulheres - Youtube - Youtube
O médico Grant William Robicheaux, suspeito de abusar sexualmente de várias mulheres
Imagem: Youtube
Há dois anos, duas mulheres denunciaram o que aconteceu após se encontrarem com Robicheaux e Riley .

A primeira disse que conheceu o casal em um restaurante no dia 10 de abril de 2016 e foi convidada por eles para uma festa em um barco.

Uma vez dopada, a mulher de 32 anos teria sido levada para o apartamento de Robicheaux e estuprada.

Ela acionou a polícia de Newport Beach no dia seguinte e, após ser submetida a exames, foi identificada a presença de drogas em seu organismo, segundo o promotor.

O cirurgião e a namorada são acusados de estupro mediante o uso de drogas neste caso.

No dia 2 de outubro de 2016, outra mulher disse que acordou no apartamento de Robicheaux após uma noite de bebedeira e gritou por socorro até que os vizinhos ligaram para a polícia.

Ela contou que estava bebendo em um bar em Newport Beach com o casal até perder a consciência.

Neste caso, o casal é acusado de agressão sexual com a intenção de cometer estupro.

Os investigadores afirmam que encontraram o vídeo em que uma das duas mulheres é atacada.

* Com informações da BBC

Famosos