PUBLICIDADE
Topo

Televisão

Jornalista é atacada por "cachorro tarado": "Vida de repórter não é fácil"

Jornalista do SBT é atacada por "cachorro tarado" - Reprodução/Rede Massa/SBT
Jornalista do SBT é atacada por "cachorro tarado" Imagem: Reprodução/Rede Massa/SBT

Gilvan Marques

Do UOL, em São Paulo

23/09/2018 15h50

Uma jornalista da Rede Massa, afiliada do SBT no Paraná, foi atacada por um cachorro (digamos, um pouco tarado) enquanto preparava reportagem para o telejornal local da emissora. O vídeo ganhou enorme repercussão e viralizou pelas redes sociais. (Assista ao vídeo abaixo)

Simone Munhoz estava na porta da delegacia em Araucária, cidade localizada na Região Metropolitana de Curitiba, se preparando para o início da gravação de uma matéria sobre o desaparecimento de uma menina quando, de repente, foi surpreendida com a aparição do cãozinho. “Agora não, amor”, respondeu a repórter, bem-humorada.

O animal, no entanto, não a largava de jeito nenhum.

Ao UOL, por telefone, Simone Munhoz disse ter ficado surpresa com a repercussão do vídeo nas redes sociais.

“Eu fiquei impressionada com a repercussão. Do dia para a noite, as pessoas comentavam nos grupos, no WhatsApp, nas redes sociais, e eu nunca imaginei que isso fosse repercutir dessa forma. Eu tenho 20 anos de jornalismo e nunca passei por algo semelhante (...) Mas ‘cara do céu’, tudo isso rolou de forma muito natural”, afirmou ela.

“Sim, é verdade, a vida de repórter realmente não é fácil. A gente passa por situações inusitadas, nas quais você nunca imagina que vá passar”, concluiu, aos risos.

Televisão