PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Ceará lembra quando começou a imitar Silvio Santos e assume: "Odeio me ver"

Marcelo Bonfá entrevista o humorista Ceará - Reprodução/Instagram
Marcelo Bonfá entrevista o humorista Ceará Imagem: Reprodução/Instagram

Thaís Sant'Anna

Colaboração para o UOL

24/09/2018 16h17

Wellington Muniz, mais conhecido como Ceará, foi entrevistado no canal do YouTube "Pingue-Pongue com Bonfá" e lembrou quando começou a "incorporar" Silvio Santos, imitação que fez ele se tornar grande conhecido do público.

"Comecei a imitar muito, mas muito mal aos 13 anos. Demorei a conseguir fazer com mais qualidade. Acho que foi a insistência", explicou ele

Ceará contou que nessa época tinha a voz muito fina e seu pai não gostava disso. "Meu pai era militar e machista e não aceitava que eu fazia as coisas para ajudar minha mãe. E eu tinha a voz fina, quase como a Marina Silva [candidata à presidência pelo Rede], e ele não gostava. Dizia: 'fala com a voz grossa, rapaz'", recordou.

Atualmente no Multishow e rodando o Brasil com o espetáculo "Ceará Dá as Caras", ele confessou que é exigente consigo mesmo e que, desde a época que estava no "Pânico", não gosta de se assistir.

"Odeio me ver.  Mas fui aprendendo com o tempo que a gente tem que assistir. E ver os pontos positivos e onde pode melhorar e não só se criticar", disse.

Famosos