PUBLICIDADE
Topo

Televisão

Multishow adapta novas músicas de "Chaves" e chama autor de abertura do SBT

Abertura de "Chaves" no SBT - Reprodução/SBT
Abertura de "Chaves" no SBT Imagem: Reprodução/SBT

Paulo Pacheco

Do UOL, em São Paulo

25/09/2018 00h53

O Multishow prepara mais uma novidade aos fãs de "Chaves" e "Chapolin" nos episódios inéditos que exibirá em breve. O canal pago chamou para as novas dublagens o autor da música "Aí Vem o Chaves", tema de abertura da série no SBT há quase três décadas.

"Eu achei que não [iriam me chamar], né? Será?", confessa o músico, em tom de surpresa, ao UOL. Em pesquisa realizada em um grupo do Multishow para fãs de "Chaves" e "Chapolin" no Facebook, mais de 80% dos fãs votaram por trazer Mário Lúcio de Freitas de volta às séries.

O músico de 69 anos trabalhou na dublagem de "Chaves" realizada na década de 1980, nos estúdios Maga, dentro do SBT. O profissional também compôs e produziu um disco, lançado em 1989, com "Aí Vem o Chaves" e outras canções tocadas na série.

O músico e dublador Mário Lúcio de Freitas, autor de "Aí Vem o Chaves", tema de abertura de "Chaves" no SBT - Reprodução/Facebook - Reprodução/Facebook
Mário Lúcio de Freitas, autor de "Aí Vem o Chaves"
Imagem: Reprodução/Facebook
"Fiz toda a direção musical da série e toquei todos os instrumentos. Por exemplo, quando o Seu Madruga tocava violão, era eu. Era muito difícil por causa do sincronismo", relembra.

Nos episódios inéditos comprados pelo Multishow e dublados pelo estúdio Som de Vera Cruz, Mário Lúcio adaptou os arranjos originais e manteve o padrão de trabalho dos anos 80.

"Hoje é mais fácil do que naquela época. O estúdio do SBT tinha três canais de áudio e um tecladinho pequenininho, horroroso. Agora tenho um teclado com 36 canais, mais completo, por isso as músicas vão ser melhores. Ficou uma coisa mais atual, mas mantendo a harmonia", explica.

O músico dirigiu o dublador Daniel Müller, dono da voz de Chaves e outros personagens de Roberto Gómez Bolaños desde 2012, mantendo o padrão dos anos 80, em que Chaves e Chapolin cantavam com a voz de seu dublador, Marcelo Gastaldi (1944-1995). Ele, aliás, chegou a ter uma banda de rock com Mário Lúcio na década de 1960.

Para dubladores que não cantam, Mário Lúcio resgatou profissionais que trabalharam com ele no disco de "Chaves", como Sueli Gondim e Sarah Regina, sua ex-mulher, que fará as vozes da atriz mexicana Florinda Meza.

Confira as músicas de "Chaves" e "Chapolin" que ganharão versão em português:

"Óyelo, Escúchalo": Canção já conhecida pelos fãs brasileiros, ganhou versão brasileira nos anos 80 --"Ouça Bem, Escute Bem"--, quando foi repetida no episódio "Feliz Ano Novo!". Desta vez, terá arranjo atualizado quando for tocada na quarta parte do "Festival da Boa Vizinhança", que irá ao ar nas próximas semanas no Multishow.

"La Ciruela Pasa": Música cantada pelo Dr. Chapatin no episódio "La Ciruela Pasa / No Se Dice Estuata, Se Dice Menumento", da temporada de "Chapolin" exibida atualmente pelo Multishow. A versão inédita em português deverá se chamar "A Uva Passa", com Dr. Chapatin tentando conquistar uma donzela.

"La Carcachita": Também cantada por Dr. Chapatin, a música é dedicada ao calhambeque do médico idoso. Tocada no episódio "La Carcachita / Los Automóviles Se Afinan En Do Mayor", deverá se chamar "A Caranguinha" no Brasil.

"Los Payasos": A canção já foi adaptada em português --"Amigos Palhaços"-- para o disco lançado em 1989, mas ganhará uma versão inédita para o episódio "¿Duende Está El Dónde?... Perdón... ¿Dónde Está El Duende?", de "Chapolin". "Refiz o playback porque a versão do disco era mais rápida", explica Mário Lúcio de Freitas.

Televisão