Topo

Famosos


"Eu não conseguia andar", diz Leo Dias sobre tratamento contra cocaína

Reprodução/YouTube
Léo Dias fala pela primeira vez após internação Imagem: Reprodução/YouTube

Gilvan Marques

Do UOL, em São Paulo

2018-10-01T21:51:10

01/10/2018 21h51

Leo Dias falou pela primeira vez sobre os efeitos que sentiu durante o tratamento experimental para combater o vício em cocaína, dentre eles, a dificuldade para andar e os braços trêmulos.

O apresentador do programa "Fofocalizando", do SBT, se submeteu ao tratamento em uma clínica na cidade de Paulínia, no interior de São Paulo, que utiliza um método não convencional contra adicção, com administração de uma substância chamada ibogaína, que é uma planta de origem africana, cujo uso ancestral era ritualístico. Leo pagou cerca de R$ 8.5 mil por uma semana de internação, segundo ele.

“Eu não conseguia andar, tremia os braços, via raios de luz e dormia quase o tempo todo”, relatou Leo em entrevista a Antonia  Fontenelle, no canal “Na Lata”, no YouTube. “Quando eu me internei, o meu medo era só um: de voltar com a cabeça zoada. Porque eu sei que o meu grande diferencial é o cérebro”, relembra. (Assista ao vídeo abaixo)

"Acho que a lição que tiro disso tudo é que estou amadurecendo, estou buscando um Leonardo mais centrado, que não precisa de bengalas, que não precisa nem de homem, nem de cocaína, nem de nada. Mas eu precisava desse acode químico", concluiu.

Questionado sobre a recuperação após o período na clínica, Leo Dias afirmou que o que lhe tem dado forças é a música de Marcelo Falcão. Ironias à parte, para quem não sabe, os dois já tiveram um desentendimento devido a uma nota publicada pelo jornalista.