PUBLICIDADE
Topo

Televisão

Choro de Tatá e palavrões: os bastidores do "Lady Night" com Carlos Alberto

Tatá Werneck recebe Carlos Alberto de Nóbrega no "Lady Night", programa do Multishow - Arquivo pessoal
Tatá Werneck recebe Carlos Alberto de Nóbrega no "Lady Night", programa do Multishow Imagem: Arquivo pessoal

Paulo Pacheco

Do UOL, em São Paulo

05/10/2018 04h00

A terceira temporada do "Lady Night" terá choradeira em um dos programas mais emocionantes da temporada. Três convidados que já gravaram o talk show de Tatá Werneck são do SBT, e um deles realizou um sonho da apresentadora: Carlos Alberto de Nóbrega.

O líder de "A Praça É Nossa" foi liberado pelo SBT para gravar o programa do Multishow e se surpreendeu com a receptividade ao voltar a pisar no Grupo Globo. "Foi uma coisa maravilhosa. Eu sabia que seria muito bem recebido, mas eles passaram do limite", conta Carlos Alberto ao UOL.

O comediante viajou ao Rio de Janeiro acompanhado da mulher, a nutróloga Renata Domingues, e da neta, a também humorista Dalila de Nóbrega, que aproveitou a oportunidade para tietar Tatá Werneck.

Choro

Carlos Alberto também gostou de ter conhecido a apresentadora. "Ela é de uma simplicidade, uma menina humilde, ficou muito emocionada. Eu não sabia que ela gostava tanto do meu trabalho. Ela chegou até a chorar quando me viu, me abraçou e chorou", revelou o humorista. Tatá precisou regravar uma parte do "Lady Night" por causa do choro.

"No encerramento do programa, tivemos que voltar três vezes porque ela não conseguiu sair rindo, ela ficou muito emocionada. O final foi muito bonito. Ela pediu para eu encerrar o programa, porque sempre me imaginou sentado no banco com ela", antecipa Carlos Alberto.

Palavrões

"Lady Night" brinca com Carlos Alberto no quadro "Horário de Nóbrega" - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
"Lady Night" brinca com Carlos Alberto no quadro "Horário de Nóbrega"
Imagem: Reprodução/Instagram
Além do encerramento "velho e querido banco", à la "A Praça É Nossa", o "Lady Night" fez outras brincadeiras com o convidado, como o "Horário de Nóbrega", zoando o sobrenome dele. O comediante ainda realizou um desejo pessoal: "Consegui falar uma porção de palavrões que eu estava doido para um dia poder dizer, fiquei totalmente à vontade".

Tatá Werneck deverá encerrar as gravações do "Lady Night" no final de outubro. A terceira temporada do programa, com 25 episódios produzidos pela Floresta, está prevista para estrear em 12 de novembro.

O talk show terá como convidados, além de Carlos Alberto, Eliana e Patrícia Abravanel, do SBT, a apresentadora Angélica, as atrizes Susana Vieira, Claudia Raia, Paolla Oliveira e Grazi Massafera, os cantores Caetano Veloso e Emicida e a dupla sertaneja Maiara & Maraisa.

Televisão