PUBLICIDADE
Topo

Famosos

"Apanhei muito, Nair Bello gostava de bater", relembra Marcos Pasquim

Marcos Pasquim revê trabalhos seus no quadro "Meu Vídeo é Show" - Reprodução/Globo
Marcos Pasquim revê trabalhos seus no quadro "Meu Vídeo é Show" Imagem: Reprodução/Globo

Jonathan Pereira

Colaboração para o UOL

23/10/2018 15h53

Marcos Pasquim reviu sua carreira no "Video Show" de terça-feira (23) e relembrou as parcerias com Nair Bello, com quem atuou em "Uga Uga" (2000), "O Quinto dos Infernos" (2002) e "Kubanacan" (2003). Só não fizeram "Pé na Jaca", em 2006, porque a atriz ficou doente e morreu no ano seguinte.

"Apanhei muito dela, apanhei demais, como ela gostava de bater! Não dava pra gravar com ela sem rir. Como era gostoso, como a gente se divertia! Quando a gente se diverte dentro da novela, passa para o público.", disse, ao rever cenas de "Uga Uga".

Humberto Martins, que atuou com ele nas mesmas tramas que Nair, deixou um recado. "Você mora no meu coração, só tenho grandes recordações das nossas parcerias. Apesar das adversidades todas, você foi o cara que mais seguiu a linha que eu vinha fazendo, de cenas de ação e psicológico", elogia Martins. 

"Nas minhas novelas o dublê não trabalhava, quem fazia quase tudo era eu", orgulha-se Pasquim, que atualmente pode ser visto todas as noites como Marino em "O Tempo Não Para".

Famosos