PUBLICIDADE
Topo

Televisão

"Xuxa não era pau-mandado de Marlene Mattos", diz ex-paquito

Marcello Faustini integrou o elenco de Paquitos da Xuxa nos anos 1990 - Divulgação Montagem/UOL
Marcello Faustini integrou o elenco de Paquitos da Xuxa nos anos 1990 Imagem: Divulgação Montagem/UOL

Gilvan Marques

Do UOL, em São Paulo

25/10/2018 04h00

Penúltimo eliminado do "Dancing Brasil", o ex-paquito Marcello Faustini reviveu um pouco os anos em que trabalhou ao lado de Xuxa ao participar do reality musical da Record. O ator lamenta que a apresentadora e sua ex-diretora, Marlene Mattos, tenham trocado acusações recentemente, e afirma que, à época, Xuxa não era um "pau-mandado" da empresária.

“A Xuxa era novinha, mas sempre participava de tudo. Como boa ariana, tinha a personalidade dela. A Marlene dirigia, comandava e fechava negócios, mas a Xuxa não era um pau-mandado. Eu não sei o que aconteceu, mas foi um casamento profissional que funcionou muito naquela época”, disse Faustini ao UOL.

Marlene dirigiu os programas de Xuxa por 18 anos na Globo, mas as duas romperam a parceria definitivamente em 2002. Em entrevista à revista "Caras" argentina, Xuxa afirmou que foi “roubada e que adquiriu dívidas” no auge do sucesso como apresentadora infantil. Marlene já disse que pretende processar a ex-parceira pelas declarações.

Hoje com 47 anos, Faustini entrou para o seleto time de Paquitos da Xuxa quando tinha 17. Celo, como era chamado pela apresentadora, era considerado o mais tímido do grupo. Ele diz guardar boas lembranças da época e afirma ainda manter contato com outros ex-paquitos, como Egon Júnior, o Gigio, e Robson Barros, o Rob.

“A gente trabalhou para a melhor emissora, a melhor gravadora, com a maior produtora de cinema. Tínhamos uma equipe que dava suporte. Quando saí de lá, eu caí na vida, foi um Deus nos acuda, senti a diferença. Comecei a trabalhar e a viajar sozinho. Eu era infantilóide, muito moleque”, conta.

O ator e cantor comemora a experiência que adquiriu no "Dancing Brasil", embora não concorde com a sua eliminação precoce.

“Foi um programa que me deu uma experiência muito grande. Se eu fizesse um curso de dança por dois anos, não aprenderia o que eu aprendi em dois meses. O programa necessita de uma intensidade, de uma dedicação muito grande”, pontua. "Não tinha pretensão de chegar à final, mas achei que não devia ter saído agora, achei que tinha outros piores na frente".

Marcello Faustini - Reprodução/TV Globo/YouTube - Reprodução/TV Globo/YouTube
Marcello Faustini (à direita) como o paquito Celo, no "Xou da Xuxa"
Imagem: Reprodução/TV Globo/YouTube

Volta aos palcos e às novelas

Após a sua participação no programa, Faustini quer voltar a se dedicar à carreira cantor. “Gosto de cantar em inglês, mas estou tentando fazer uma versão diferente, que não fique com cara de cover”, disse ele, fã do repertório de Elvis Presley (1935–1977). 

Formado em cinema, ele também espera que a participação no programa o faça retornar às novelas. Formado na Oficina de Atores da Globo, o ex-paquito integrou o elenco da primeira temporada de "Malhação". “Se receber um convite, adoraria fazer".

Televisão