PUBLICIDADE
Topo

Televisão

Vídeo com Lu Gimenez anunciando Bolsonaro como novo presidente vaza na web

Luciana Gimenez participa de evento em São Paulo - Thiago Duran/AgNews
Luciana Gimenez participa de evento em São Paulo Imagem: Thiago Duran/AgNews

Gilvan Marques e Felipe Pinheiro

Do UOL, em São Paulo

26/10/2018 00h32Atualizada em 26/10/2018 10h35

Um vídeo no qual a apresentadora Luciana Gimenez anuncia a eleição de Jair Bolsonaro como novo presidente da República durante o “Superpop”, da RedeTV!, vazou nas redes sociais na noite desta quinta-feira (25), e provocou alvoroço entre internautas. 

“Olá, boa noite. Tudo bem com vocês? E ontem, o Brasil elegeu Jair Bolsonaro como o novo presidente da República, o 38º a ocupar o cargo. Parabéns, Bolsonaro. Que você consiga governar o Brasil, unificando o país para uma democracia cada vez mais forte e uma nação cada vez mais justa”, diz ela, no vídeo.

Em seguida, Luciana relembra as polêmicas passagens de Bolsonaro pelo palco do programa. "E para quem acompanha o 'Superpop' sabe que desde 2010 o Bolsonaro frequenta esse palco aqui... E já é aqui da casa. E hoje vamos ver os melhores momentos dessas participações", afirma a apresentadora, antes de chamar o VT.

As imagens deveriam ir ao ar somente no programa da próxima segunda-feira (29), caso confirmada a vitória do ex-capitão do Exército, mas foram vazadas quatro dias antes. Procurada pelo UOL, a assessoria da RedeTV! afirmou:

"É de praxe, quando Luciana Gimenez viaja, que ela grave antecipadamente material para ser exibido durante sua ausência. A apresentadora gravou duas cabeças, uma caso Jair Bolsonaro ganhasse as eleições e outra caso a vitória fosse de Fernando Haddad". A apresentadora está em Nova York, nos Estados Unidos.

O perfil responsável pelo vazamento das imagens se chama “Virei Jornalista” e é administrado por um jovem repórter chamado Júnior Caritel, de Uberlândia (MG). Atualmente, ele trabalha como repórter da Band Triângulo, afiliada da TV Bandeirantes em Minas.

À reportagem, Caritel confirmou que as imagens foram vazadas, mas se recusou a dizer nomes.

Televisão