Topo

O Tempo Não Para

"Padre gato" de novela da Globo se espelha em Fábio de Melo: "Há fetiche"

Reprodução/TV Globo
Padre Luis (Alexandre Barros) na novela "O Tempo Não Para" Imagem: Reprodução/TV Globo

Paulo Pacheco

Do UOL, em São Paulo

17/11/2018 04h00

Ele é padre. Ele é gato. E está em alta em "O Tempo Não Para", novela das sete da Globo. Alexandre Barros não esperava que seu personagem, padre Luis, cresceria tanto na história. O sucesso do responsável pela paróquia da Freguesia do Ó, bairro da zona norte de São Paulo onde a trama é ambientada, tem feito o ator receber mais cenas e aparecer em mais capítulos.

"Entrei na novela fazendo uma participação, um capítulo gravado na igreja da Freguesia do Ó. Depois gravei no Rio e o negócio cresceu. Recebi muitas cenas dos próximos capítulos", comemora Alexandre Barros em entrevista ao UOL. Prestes a completar 50 anos, o ator gosta do rótulo de padre "bonitão".

Reprodução/TV Globo
Padre Luis se exercita em "O Tempo Não Para" Imagem: Reprodução/TV Globo
"Tem essa coisa do padre ser mais moderno, tem o olho azul. Na rua, o chamam: 'Padre, vamos abençoar aí', 'Preciso fechar com o senhor', brincadeiras assim. Super na boa, mas vejo que rola um certo fetichezinho. Um padre saradinho, que faz ginástica", brinca.

Padre Luis não fica apenas na igreja. Alexandre Barros já gravou praticando exercícios na rua e comendo na pensão de Coronela (Solange Couto). A inspiração vem de um padre famoso: Fábio de Melo. Ambos alimentam os desejos pecaminosos das fiéis.

"Queria até usar barba para ficar como o Fábio de Melo. Está muito legal esse contraste que fica entre pessoas da época, que rezavam em latim, e chega um padre com calça, falando normal. Essa novela tem um gancho bem legal que mostra como eles viviam na época e como vivem hoje", elogia.

Montagem/UOL/Reprodução/TV Globo/Instagram/pefabiodemelo
Os padres Luis (Alexandre Barros) e Fábio de Melo Imagem: Montagem/UOL/Reprodução/TV Globo/Instagram/pefabiodemelo

Amizade com padre real

O retorno de Rosi Campos às gravações após se recuperar de uma queda aumentará o espaço do padre em "O Tempo Não Para". A personagem dela, Dona Agustina, procura o pároco a todo instante e costuma prestar atenção no porte físico do religioso.

"Ela é uma mulher extremamente séria e ela se solta com o padre. Dom Sabino (Edson Celulari) fica com ciúme, mesmo divorciado, porque Luis sempre aparece na casa da dona Agustina. 'Pô, esse cara vem aí e já senta na mesa de jantar?'. Tenho cenas bem engraçadas", conta.

Paulistano do Brooklin, zona sul, Alexandre Barros gostou de visitar a Freguesia do Ó e planeja voltar à Igreja da Matriz para conversar pessoalmente com o padre Orisvaldo, a quem pede ajudas pelo WhatsApp para interpretar Luis em "O Tempo Não Para".

"Achei o lugar muito do bairro, tem clima de interior. Fiquei amigo do padre da paróquia Nossa Senhora do Ó. Vou à missa para tirar dúvidas", afirma o ator, que deverá voltar a interpretar um religioso --desta vez um pastor-- na peça " Camus e o Teólogo: Sentido da Vida", com Matheus Nachtergaele, atualmente em fase de captação de recursos para a produção.