PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Bruna Marquezine e outras famosas pedem justiça em caso de mulher agredida

Bruna Marquezine compartilha campanha contra agressão a mulher em Goiás - Reprodução/Instagram/brumarquezine
Bruna Marquezine compartilha campanha contra agressão a mulher em Goiás Imagem: Reprodução/Instagram/brumarquezine

Rodrigo Soares

Colaboração para o UOL

27/12/2018 16h36

O caso de uma advogada agredida pelo namorado em Goiás tomou conta das redes sociais nos últimos dias e revoltou as mulheres que integram o movimento "Mexeu com uma, mexeu com todas". Nesta quinta-feira (27), Bruna Marquezine, Fernanda Lima Alice Wegmann, Bruna Linzmeyer e Alinne Moraes, entre outras, usaram os perfis no Instagram para pedir justiça.

"NOS LEVANTAMOS POR LUCIANA! Nos últimos dias o vídeo em que Luciana Sinzimbra, 26, era violentada física e psicologicamente por Victor Junqueira, 24, viralizou. Victor é piloto, filho de um ex-prefeito de Anápolis e se não fosse essa prova, muitos duvidariam da palavra dela. Infelizmente esse vídeo retrata a realidade diária de varias brasileiras, nessa sociedade onde o machismo e a misoginia são tratados como invenção e vitimização. Estamos juntas de Luciana por sua força em denunciar! Estamos juntas por esse caminho, admiramos sua força. No Brasil, uma mulher apanha em média 7 vezes antes de denunciar. Por isso, cada uma de nós que se levanta, nos inspira a lutar cada vez mais", diz o texto.

Ainda na postagem, elas pediram que não repassem o vídeo em que Luciana aparece apanhando. "Reforçamos também seu pedido para que não veiculem o vídeo onde ela é atacada por Victor. Respeitemos umas às outras e não vamos soltar a mão de ninguém", disseram.

Por fim, elas lembraram o número da polícia para denúncias e deixaram um alerta para as mulheres. "A exemplo de Luciana, pedimos a nossas manas: DENUNCIEM! Usem o 180, liguem e denunciem. Se ele te bate, ele não te ama", concluíram.

Famosos