Topo

Televisão


Apresentador pede demissão ao vivo na Globo: "Não abro mão do respeito"

Marcela Ribeiro e Paulo Pacheco

Do UOL, no Rio e em São Paulo

2019-02-16T14:58:45

16/02/2019 14h58

O apresentador Kaio Cézar encerrou o "Globo Esporte Ceará" de hoje com um pedido de demissão ao vivo. O programa é exibido no Sistema Verdes Mares, afiliada da Globo em Fortaleza.

"O 'Globo Esporte' fica por aqui, e eu também. Neste momento estou pedindo demissão do Sistema Verdes Mares. Não abro mão do respeito e da dignidade em lugar nenhum. Um Abraço", disse ele ao deixar o estúdio.

Procurado pelo UOL, Kaio Cézar respondeu: "Eu vou falar, mas não agora. Agradeço a compreensão".

Kaio trabalhava havia cerca de 10 anos na Rede Verdes Mares. Além de apresentar o "Globo Esporte" nas folgas do titular, Fábio Pizzato (também editor-chefe), era produtor do programa, narrador da TV Verdes Mares e dos canais Premiere e SporTV.

O UOL apurou que, nos bastidores da redação, Kaio estaria insatisfeito havia alguns anos e relatava perseguição do diretor do Sistema Verdes Mares, PC Norões. O jornalista e narrador se sentia desprestigiado por não ter sido escalado para narrar um jogo sequer na Copa do Mundo. Ele já tinha procurado a direção para reclamar.

Em setembro do ano passado, Kaio foi demitido da rádio Verdes Mares, do mesmo grupo. "Diante das perguntas dos amigos e amigas que gostam do meu trabalho, devo essa satisfação. Sim, depois de quase 10 anos dedicados à Rádio Verdes Mares, não faço mais parte da equipe. Fui demitido", anunciou em sua rede social, na época.

Ao UOL, o pai de Kaio Cézar, o ex-radialista Luiz Bilal confirma que o filho vinha reclamando do trabalho e concorda com a atitude do filho.

"Você tem que tomar certas atitudes para tentar ver se revertem algumas situações. Ele vinha se queixando por não ter apoio profissional. Não o aconselhava, porque sempre o deixei tomar as próprias atitudes. Ele começou com 18 anos, mas era muito tímido e passou por momentos difíceis, mas o talento superou a timidez", afirma o pai de Kaio Cézar.

Com mais de 30 anos de carreira no rádio e na TV, Luiz Bilal atualmente vende tapiocas em Aracati (CE). Ele recorda que, como o filho, também pediu demissão da empresa onde trabalhava.

"Já fiz isso também. Em certo momento, eu me senti constrangido dentro da empresa em que eu trabalhava e pedi para sair. Não fiz no ar, mas hoje todos são meus amigos e entenderam a atitude que tomei", relembra.

Kaio é casado com a jornalista Mirela Forte, ex-âncora de um telejornal da TV Diário, local do Ceará, que também pertence ao Sistema Verdes Mares. Ela foi demitida em maio de 2018, logo após dar à luz Raul, único filho do casal.

A direção do Sistema Verdes Mares, que opera a TV Verdes Mares, informa que desconhece os motivos que levaram Kaio Cézar a se demitir ao vivo e afirma que tratará o fato internamente.

"O Sistema Verdes Mares foi surpreendido, na tarde deste sábado (16), com o pedido de demissão do jornalista Kaio Cézar, ao final da apresentação do 'Globo Esporte', na TV Verdes Mares. Diante da repercussão do fato, o Sistema Verdes Mares esclarece que desconhece os motivos da decisão do apresentador e que vai tratar o assunto internamente, pelos canais adequados, como é prática na empresa. Reitera, ainda, que rege toda a atividade desde a sua fundação, há quase 50 anos, pela correção ética, por valores morais e pelo diálogo", diz a nota.