Topo

Famosos


Fenômeno na web, Gkay relata preconceito: "Ouvi que mulher não é engraçada"

A humorista Gessica Kayane com Luciana Gimenez - Divulgação/RedeTV!
A humorista Gessica Kayane com Luciana Gimenez Imagem: Divulgação/RedeTV!

Felipe Pinheiro

Do UOL, em São Paulo

12/03/2019 11h42

A humorista Gessica Kayane, mais conhecida como Gkay, diz que é preciso coragem na luta contra o preconceito e para assim conseguir se destacar em sua área.

"Existe muito preconceito, mas tem que peitar mesmo, tem que mostrar o que a gente é. Está faltando mulher no humor porque o humor feminino é contado sempre pelos homens e não é contado na versão da gente. TPM, depilação, não são coisas contadas da maneira como a gente vive", afirma ela no programa "Luciana By Night" que vai ao ar hoje na RedeTV!. 

Gkay lembra que já sentiu na pele o preconceito e conta uma experiência que vivenciou: "Uma vez o cara disse para mim: 'Ah, não sei porque você está fazendo isso, você sabe que mulher não é engraçada. Você sabe que mulher não sabe fazer humor'. Já ouvi muito isso"

"Elas [as fãs] mandam: 'Poxa, Gkay, quando estou em casa sozinha faço isso que você faz, mas não tenho coragem de fazer na frente de ninguém, não tenho coragem de mostrar meu jeito', e eu já fui assim, né. Por muito tempo tentei ser aceita de um jeito que não tinha nada a ver comigo". 

Atualmente, a humorista possui quase 1 milhão de inscritos em seu canal no YouTube e mais de 4 milhões de seguidores em sua conta no Instagram. Na semana passada, a música 'Eu Vou, Tu Vai' - feita em parceria com os também humoristas Whindersson Nunes, Tirullipa e Carlinhos Maia - ganhou o troféu CarnaUOL como hit do verão 2019

Gessica explica como surgiu o single -- segundo ela, de forma despretensiosa ao lado do filho do deputado federal Tiririca. 

"Eu estava com ele no carro e disse: 'Aqui, gente, show do Tirullipa em Salvador. Simbora. Se você não for, só você não vai'. Quando desliguei os Stories, ele ficou: 'Eu vou, tu vai? Eu vou, tu vai?'. Aí abri os Stories de novo e a gente ficou: 'Se você não for, só você não vai. Eu vou, tu vai?', aquelas fuleragens da gente. Quando descemos do carro, o Whidersson estava chegando, gravamos o vídeo, postei e em meia hora tinha 1 milhão de visualizações. Os meninos também postaram e a galera abraçou a música. Agora estou aí, atriz e cantora", diverte-se.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Famosos