Topo

Televisão


Estreante na TV, atriz diz não sentir peso de mocinha de "Malhação"

Divulgação/TV Globo/Estevam Avellar
Alanis Guillen faz sua estreia na televisão como Rita, a mocinha de "Malhação: Toda a Forma de Amar" Imagem: Divulgação/TV Globo/Estevam Avellar

Ana Cora Lima

Do UOL, no Rio

2019-04-16T04:00:00

16/04/2019 04h00

Amores que se cruzam e amores que transformam. O amor e todas as suas formas vão nortear a trama da nova temporada de "Malhação", que estreia hoje na Globo. No centro, está a luta de uma mãe adolescente em busca da filha a quem nunca viu por acreditar que a tinha perdido no parto. Só que a criança foi dada para adoção pelo próprio pai e Rita irá enfrentar o que for preciso para recuperar a guarda da filha.

Em seu primeiro trabalho na televisão, Alanis Guillen diz não sentir o peso de ser a mocinha de "Malhação: Toda Forma de Amar". Para ela, a palavra certa para definir esse momento é aprendizado.

"É o meu primeiro trabalho em uma novela, em um meio tão grande e tão amplo. Todo mês você não sabe o que esperar, o que o autor vai te propor. Eu venho do teatro e isso é totalmente novo e diferente. Estou aprendendo, engatinhando", conta a paulista de Santo André, de 20 anos, que prefere dividir o protagonismo.

Divulgação/TV Globo
Giulia Bertolli será Meg, uma garota que irá sofrer ao descobrir que o namorado de infância gosta de outro rapaz Imagem: Divulgação/TV Globo
"A Rita conduz muito a história, mas todos ali fazem parte da trama central. Sem eles não dá para contar a história da Rita e vice-versa. É entender muito esse lugar dessa garota, que vai lutar e trilhar esse caminho longo, denso e difícil. Tenho muito orgulho dela e a gente vê o mundo de uma forma bem igual. Temos a mesma ânsia pela vida e de querer justiça."

Escrita por Emanuel Jacobina, essa é a 27ª temporada de "Malhação", que mostrará a convivência entre jovens de realidades tão diferentes quanto das comunidades de Queimados, na Baixada Fluminense, e de Ipanema, na zona sul do Rio.

"A trama mostra os jovens bastante inseridos no mundo e nas comunidades em que vivem. Cada um tem a própria história, a sua forma de amar. Pretendemos tocar o coração das pessoas através dos sentimentos vividos pelos personagens", explica o diretor Adriano Melo.

Namorado gay

Além da estreia de Alanis Guillen, a novela marca também os primeiros papeis fixos de Pedro Novaes, filho de Marcelo Novaes e Letícia Spiller, que fez uma participação em "Segundo Sol", e de Giulia Bertolli, filha de Lilia Cabral, que interpretou a vilã Valentina mais jovem em "O Sétimo Guardião"

Giulia será Meg, uma garota que namora com Guga (Pedro Alves), mas que irá descobrir a paixão por meninos do namorado.

"Conversei com uns amigos que passaram por essa experiência e busquei também muitas referências em filmes e séries para poder entender melhor e pode passar verdade nas cenas. O Guga e a Meg têm uma relação muito bonita e isso vai ficar claro desde o início. Eu acredito que ela vai apoiá-lo em qualquer decisão, qualquer escolha."