Topo

Famosos


"A gente vai se encontrar", diz namorada de ator de "Chiquititas" morto

Isabela Tibcherani com o namorado, Rafael Miguel, que foi executado com os pais em São Paulo - Arquivo pessoal
Isabela Tibcherani com o namorado, Rafael Miguel, que foi executado com os pais em São Paulo Imagem: Arquivo pessoal

Thaís Sant'Anna

Colaboração para o UOL

10/06/2019 16h39

Antes de comparecer ao velório do namorado, Rafael Miguel, que atuou em "Chiquititas", do SBT, e foi assassinado ontem, com os pais, em São Paulo, Isabela Tibcherani fez mais um texto falando sobre o ator em suas redes sociais.

Ela repostou uma homenagem que a escola de inglês que Rafael dava aulas fez e lembrou das conversas que os dois tinham na língua.

"Não vou esquecer jamais do nosso hábito de conversar em inglês, que era algo nosso, algo com o qual nos identificávamos. Você me corrigindo nos pequenos erros e eu rindo das confusões que você fazia com português e inglês. Meu orgulho. Não tive a chance de realizar o desejo de assistir à uma aula sua, mas sei que todos que tiveram a chance de serem seus alunos aprenderam mais do que a matéria, aprenderam amor. Eu te amo, príncipe. A gente vai se encontrar", escreveu.

Isabela também publicou um trecho da mensagem em inglês. "Together. Always. How is it there? Will you look up to me? Please, enjoy the Space, know the galaxies, the stars and the Moon is here for you today ['Juntos. Sempre. Como está aí? Você vai olhar de cima para mim? Por favor, aproveite o espaço, conheça as galáxias, as estrelas e a lua estão aqui para você hoje']".

Entenda o caso

Rafael e seus pais foram até a casa de Isabela Tibcherani, de 18 anos, e morreram após serem baleados, por volta das 13h55 de domingo (9).

De acordo com o boletim de ocorrência, o pai da namorada de Rafael, Paulo Cupertino Matias, é o autor dos disparos e está foragido.

"Rafael, acompanhado, de seus pais foi até a casa de sua namorada de 18 anos conversar com o pai dela sobre o namoro. Eles foram recebidos pela jovem e sua mãe. O comerciante Paulo Cupertino Matias, de 48 anos, chegou ao local armado e atirou nas três vítimas que estavam no portão da casa. Eles morreram do local".

O caso, registrado como homicídio consumado, é investigado pelo 98º Distrito Policial (Jardim Miriam) e as equipes estão em diligência para localizar e prender o autor do crime.

Mais Famosos