Topo

Famosos


Gloria Maria relembra erva na Jamaica: "Queria ir à Lua, cheguei até Marte"

1.jul.2016 - Glória Maria fuma maconha em matéria do Globo Repórter - Reprodução /TV Globo
1.jul.2016 - Glória Maria fuma maconha em matéria do Globo Repórter Imagem: Reprodução /TV Globo

Maurício Dehò

Do UOL, em São Paulo

16/06/2019 09h51

A jornalista Gloria Maria foi uma das convidadas do Altas Horas de ontem. No programa, uma pergunta dos espectadores causou risos gerais, lembrando um de seus episódios mais famosos. Uma jovem perguntou: "O que você achou da sua experiência na Jamaica?".

A questão causou risos gerais, já que viralizou o vídeo do Globo Repórter em que Glória experimenta maconha na terra de Bob Marley. E ela não fugiu do assunto - apesar de parecer que ia se esquivar.

Na resposta, ela ainda revelou que tem o sonho de visitar à Lua e disse que fez uma inscrição na Nasa, agência espacial dos EUA, para realizar o sonho quando se iniciarem viagens tripuladas ao satélite.

"Olha, a Jamaica foi maravilhosa. Andei numa montanha-russa sensacional, fui para cachoeiras deslumbrantes, que você só consegue subir a pé, fui no museu do Bob Marley...", disse ela. "Tem algumas coisas que você não lembra, né?, provocou Serginho.

"É, tem uma coisa... Eu tenho um carinho muito especial pela Jamaica. Eu sempre tive um sonho, eu queria ir à Lua. Estou inscrita na Nasa, o dia que tiver o primeiro voo tripulado, eu vou. Já que até hoje eu não consegui ir à Lua, na Jamaica eu consegui ir a Marte, porque eu saí do espaço", riu Gloria.

"É verdade. Ali o negócio foi puxado. Eu saí e até hoje eu não sei nem se voltei", concluiu, causando gargalhadas gerais.

Gloria também comentou sobre seu gosto de viajar e revelou que calcula ter ido a 163 países. Questionada quando a paixão começou, foi franca. "Quando comecei a viajar, era muito pobre, não tinha dinheiro para conhecer o mundo. Comece pela TV Globo, com 16, para 17 anos e fiz do mundo meu espaço. Comecei a viajar profissionalmente, mesmo".

A primeira viagem foi para os Estados Unidos. "Eu fui a Washington cobrir a posse do presidente do Jimmy Carter, como repórter do Jornal Nacional. Tem um menino do Fantástico que sabe todas as minhas viagens. Acho que chegamos a 163 países. O problema é que quando você começa a achar que está acabando, eles subdividem e criam mais países."