Topo

Famosos


Lembra dele? Gordinho do meme da risada do Pânico emagrece e vira funkeiro

Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

19/07/2019 04h00

Há cinco anos, o vídeo dele viralizou na internet, aparecia com frequência no programa Pânico e até hoje faz sucesso em momentos de zueira na web. O "gordinho da risada", menino que virou meme no Youtube ao tentar segurar o riso e soltar uma gargalhada após uma piada contada pelo irmão Riam, se chama Riad Alves, mora em Pontal do Paraná (PR) e hoje tem 15 anos de idade.

Frustrado depois de ter seu canal no Youtube hackeado, o menino, que tinha 10 anos quando seu vídeo viralizou, nunca ganhou dinheiro com o sucesso virtual, desistiu de ser youtuber e reapareceu recentemente nas redes sociais apostando em uma nova carreira. Agora Riad quer ser conhecido como o MC Risadinha. Com um novo canal, ele tem pouco mais de 4.000 inscritos.

"Passei uns dois anos sem fazer vídeo. Aí eu sempre escutei funk, decidi virar funkeiro. Fiz uma música, comecei a cantar, comecei a fazer shows, já fiz uns cinco ou seis. No dia 21, farei mais um show no aniversário [da cidade] de Paranaguá [PR]. Já tenho minha música gravada, só falta fazer o clipe para me lançar no Youtube", contou ele ao UOL.

Riad, o MC Risadinha em dois momentos: Em foto atual e quando viralizou no Youtube por causa de sua risada - Reprodução
Riad, o MC Risadinha em dois momentos: Em foto atual e quando viralizou no Youtube por causa de sua risada
Imagem: Reprodução

O adolescente se inspira no MC Dynho Alves, autor do bregafunk Malemolência, cujo clipe tem mais de 130 milhões de visualizações no Youtube.

Riad comemora por ter já feito cinco shows cantando sua música O Gordin tá Como. Ele é empresariado pela mãe, a manicure Mariane Alves, e cobra de R$ 1.500 a R$ 3.000 de cachê.

"Desejo muito sucesso, que Deus abençoe muito ele, que possa ter uma carreira brilhante pela frente. Que ele realize todos seus sonhos. Não é porque é meu filho, mas é um menino muito humilde. Ele fala de ajudar a família, de dar um conforto", conta Mariane, casada com Altair Custódio, que trabalha na construção civil e "mexe também piscinas", segundo ela explica.

O MC fala o que gostaria de fazer caso alcance sucesso e ganhe dinheiro como funkeiro: "Eu terminaria a casa da minha mãe que ela tanto quer", diz Riad sobre a moradia em que ele vive com a família, construída pelo pai e com obras inacabadas por falta de grana.

Mais magro, Riad conta que, quando não circula pela rua usando a camisa com a estampa do seu vídeo que viralizou, quase não é mais reconhecido nas ruas.

"Agora na minha cidade e em Paranaguá, todos me chamam de MC Risadinha. Não dou mais aquela risada porque emagreci e minha voz mudou. Fiz dieta, caminhada e jogava bola", diz ele, que decidiu perder peso por conta da saúde, já que sofria com falta de ar.

Rian relata que sofreu bullying na escola, mas não se deixou afetar com as piadas.

"Minha mãe me ajudava bastante. Ela falava para eu não ligar para o que eles diziam. Eu sempre dava risada, tiveram algumas vezes que eu não gostava, mas nunca liguei. Eu quis emagrecer e não foi por causa disso", afirma o adolescente, que cursa o 1º ano do ensino médio.