Topo

Famosos


Após harmonização, ex-BBB Patrícia sonha com cirurgia íntima: "Fica bonito"

Patrícia Leitte, ex-BBB antes e depois da harmonização facial - Divulgação/Arquivo Pessoal
Patrícia Leitte, ex-BBB antes e depois da harmonização facial Imagem: Divulgação/Arquivo Pessoal

Carolina Farias

Do UOL, no Rio

08/08/2019 04h00

Desde quando saiu do "BBB18", Patrícia Leitte fez inúmeros procedimentos estéticos e até virou coach e influenciadora digital sobre emagrecimento. A cearense já fez lipoescultura, retirou gordura abdominal e aplicou no bumbum, fez abdominoplastia, drenagens, turbinou os seios com silicone, removeu a papada, fez bichectomia, aplicou botox, colocou lentes de contato dentais e, ontem, divulgou o resultado de sua harmonização facial.

"Não doeu nada, passam anestésico antes e fazem marcações de onde vai alterar. Tudo é feito de forma consciente, devagar, para não haver exageros. Tudo com muita responsabilidade porque é no rosto, é delicado. Ainda está inchado, com hematomas, mas é normal. Estou curtindo muito, quanto mais vai passando os dias estou: 'Uau'", contou ela ao UOL sobre o último procedimento.

A ex-BBB estima que foram gastos, entre as intervenções e os pós-operatórios, cerca de R$ 65 mil.

Mas apesar de já ter feito tantas intervenções e mudado bastante a aparência desde que deixou o programa, Patrícia ainda tem desejo de fazer uma operação mais reservada.

"Pensei em fazer cirurgia íntima, mas soube que o pós é bem tenso, então tenho medo de fazer", conta. "Achei a proposta interessante, legal. Fica bonito. Já soube de algumas famosas que fizeram. O pós é que não me atraiu, mas tenho vontade de fazer, só não tenho coragem ainda, não amadureci a ideia".

Para Patrícia, o limite para a realização de plásticas e outros procedimentos depende do nível de satisfação de cada um.

"O limite é a felicidade. Se está feliz com o corpo, com você, esse é seu limite. Não adianta fazer plástica por fazer. Faça para se sentir melhor. Você deve buscar sua felicidade, autoestima, estar bem consigo mesma", ensina ela, que afirma não se incomodar com os comentários.

"Críticas vêm até de gente da sua família. Dizem: 'Ah, está se cuidado em excesso, já está bom'. Quem tem que saber se está bom é você. Mulheres têm que ser empoderadas, se aceitarem, mas acima de tudo mudar o que acham que devem mudar."

Depois de todas as mudanças, o desafio de Patrícia agora é lidar com a rotina de influencer, de dona de casa e mãe de David, de 12 anos, além de manter a forma.

"Tenho acompanhamento de um nutrólogo, do meu cirurgião plástico, como gastronomia funcional e faço academia com um personal com treino específico para mulheres. Tem uma equipe, mas depende de mim. A rotina é puxada. Sou mãe, dona de casa, tem a vida de influencer, os eventos. Na alimentação, se sei que estou errando, corrijo depressa porque tenho facilidade em ganhar peso, sou consciente disso."

E com a vida corrida, o que não mudou para Patrícia foi o estado civil. Ela continua solteira, apesar de, afirma, a paquera ter melhorado com a mudança no visual.

"Ficou mais fácil porque se vai ficando mais bonita, vai subindo o padrão [de paqueras]. Por causa da correria, não tenho tido tempo para ter um relacionamento fixo ou sério. Continuo solteira, mas quando acontecer de eu escolher a pessoa, vou ser feliz, seja público ou não. Importante é estar bem e eu estou, Graças a Deus."

Mesmo com tantas interferências na imagem, Patrícia afirma que sempre gostou de sua aparência, mesmo antes do BBB, e que nunca se viu como gordinha.

Patrícia Leitte, antes de entrar no BBB18 - Reprodução/TV Globo
Patrícia Leitte, antes de entrar no BBB18
Imagem: Reprodução/TV Globo
"Nunca tive problema com meu peso. Quando fui líder desfilei de lingerie no BBB e estava 15 quilos a mais do que estou hoje. Sempre me aceitei. Quando fui entrar na casa falei muito sobre essa questão. Sempre me achei muito linda, gostosa e maravilhosa. Acredito que as mulheres, independente da numeração que vestem, são lindas do seu jeito. Beleza vem de dentro", explica a ex-BBB, que defende que a mudança estética é um direito de quem a deseja.

"Logico que tem pessoas que querem mudar, isso é direito de cada um, como é meu também de estar sempre mudando, chegando ao que eu quero. Nunca me considerei feia por estar gordinha. Nunca nem me considerei gordinha, o que eu estava era com sobrepeso. Mas as gordinhas são gostosas do mesmo jeito."

Fazendeira?

O nome da ex-BBB está entre os vários aventados como uma das próximas integrantes de A Fazenda, reality show da Record que começa no dia 11 de setembro, mas ela garante que o convite ainda não foi feito.

"Não recebi convite, não tem negociação, é tudo fake news. Mas nunca se pode dizer que dessa água não vou beber. Não sei se rolasse um convite se eu negociaria, como seria, se eu iria ou não. Está aberto, quem sabe?"