PUBLICIDADE
Topo

Lívia Andrade alfineta famosos: "Vai para o motel se quer privacidade"

Livia Andrade no Rock in Rio - Divulgação/Doritos
Livia Andrade no Rock in Rio Imagem: Divulgação/Doritos

Carolina Farias

Do UOL, no Rio

05/10/2019 23h16

Sem papas na língua, assim como é no Fofocalizando. Foi assim que Lívia Andrade falou com a imprensa no camarote Doritos em sua primeira edição do Rock in Rio - ela veio na noite de ontem, mas sem badalar nos espaços para famosos e VIPs.

A apresentadora de 36 anos disse que nunca se preparou para o cargo que ocupa, aproveitou para cutucar famosos que não querem ser alvo de fofocas e fez uma revelação misteriosa.

"O Fofocalizando é lição de vida, aprendi muita coisa e vi como evolui como pessoa. Porque sou maloqueira, falei 'caramba, por muito menos, há dez anos atrás, eu estaria presa'", falou, sem explicar o motivo de ter corrido esse risco.

"A realidade de onde eu vim é difícil. Isso aqui é um sonho e estou preparada para acordar. Hoje estou aproveitando o momento de estar apresentadora."

Lívia diz que começou a trabalhar na TV aos 13 anos e nunca mais parou, emendando trabalhos sem mesmo escolher. Assim, chegou ao comando da atração do SBT que tem como integrantes Leo Dias, Leão Lobo, Decio Piccinini, Cris Flores e Mara Maravilha.

"Nunca tive pretensão de nada na minha vida. Nunca quis ser artista, aconteceu. O que achei legal de ser artista, não que seja fácil, é que ganhava em um dia o que amigos ganhavam em um mês. Foi isso que me atraiu. Única coisa que fiz foi me preparar para um dia em que a oportunidade viesse. Fiz DRT, teatro, e fui fazendo as coisas que apareciam."

Desde janeiro do ano passado Lívia está na atração, que já foi notícia também pelas tretas entre ela, Mara Maravilha e Leo Dias.

"Fui resistindo, sou dura na queda. Quando tudo foi conspirando contra, fui resistindo. É aí que tiro força daquele lugar, do útero, sou mulher forte para caramba e falei 'vou aguentar'. Por aguentar hoje sou a apresentadora do Fofocalizando."

Em tom como se não se levasse a sério, Lívia diz que está preparada caso tudo mude novamente no programa.

"Estou ali aproveitando a oportunidade, ganhando meu dinheiro. Comecei a trabalhar com 13 anos na TV, nunca parei e nunca fiquei um ano desempregada. Eu sei a realidade, estou com o pé ali, frequento os mesmos lugares de onde eu vim. As coisas mais difíceis que passei na vida me prepararam para esse momento."

Trabalhar com fofocas também nunca havia passado pela cabeça da apresentadora.

"É energia muito pesada, nunca achei que fosse na vida fazer fofoca. Sempre fui muito discreta na minha vida. Até evento, não sou muito de sair, sou caseira, mas hoje vejo o outro lado e é sinistro e lindo", afirmou Lívia, que aproveitou para cutucar quem é famoso e reclama da exposição.

Se você é pessoa pública tem que arcar com as consequências. Vem para um evento desse por exemplo, todo mundo bebendo à vontade, solteiro, vai se jogar mesmo? Depois vai reclamar que amanhã está no Fofocalizando ou que vocês soltaram uma nota? Não faça. Não quer que saia na imprensa, vai para o motel, para sua casa, praia deserta. Quer privacidade, pague por isso. Eu sei segurar minha onda. Se quero privacidade, pago por isso.

Para se resguardar e evitar problemas em casa, Lívia não vai a eventos com o marido, assim como hoje.

"Está em casa, de boa, sempre. Você imagina ele aqui agora? Ele me conheceu assim. É legal curtir, mas também faz parte do meu trabalho. Imagina eu com vocês e ele aqui com cara de bunda? Não acho legal. Estar com a pessoa é se dedicar a ela."

Outra relação que ela faz questão preservar é com o patrão Silvio Santos.

"Graças a Deus nunca me deu bronca, já falou do Fofocalizando, mas nunca reclamou nada. Então está de boa, mas não sou besta de ficar perguntando."

"Me misturei no povo e ninguém me viu"

Ontem foi a primeira vez de Lívia no Rock in Rio e hoje ela veio para ver Anitta.

"Minha primeira vez no Rock in Rio foi ontem, impressionada com a estrutura, tamanho, bagunça organizada. Não vi briga, nada errado. Cheguei bem tarde, o povo daquele jeito já, e dei uma andada de boa. No meio do povo, me misturei, ninguém me viu."

Ela escolheu o dia do metal para debutar no festival.

"Como é Rock in Rio e nunca vim tinha que vir em noite de rock. Scorpions é uma parada de quando nasci, quando vou ter essa oportunidade? Lembrei da infância com meus tios ouvindo, viagens com a família."