PUBLICIDADE
Topo

Racha na música: Anitta e Lud fazem batalha dos aflitos no Prêmio Multishow

Anitta foi a apresentadora do Prêmio Multishow 2019 - Divulgação
Anitta foi a apresentadora do Prêmio Multishow 2019 Imagem: Divulgação

Marcela Ribeiro e Débora Miranda

Do UOL

30/10/2019 04h00

O funk se dividiu em dois e levou a música popular brasileira com ele. Depois de brigarem pela autoria da canção "Onda Diferente", Anitta e Ludmilla voltaram a se encontrar ontem, em noite tensa, durante o Prêmio Multishow. Em clima de final de campeonato, fãs viraram torcedores e até os artistas tomaram partido —apesar de ninguém, nem mesmo as duas cantoras, querer tocar no assunto.

Pelo segundo ano consecutivo, Anitta apresentou o evento. E teve que improvisar desaparecimentos do palco para assistir, dos bastidores, a Ludmilla se consagrar. A rivalidade entre as duas se transformou, ao longo da premiação, em uma espécie de batalha silenciosa e aflitiva, que ficou explícita logo no início da festa, na categoria música chiclete, em que concorriam juntas —justamente com a faixa "Onda Diferente".

Anunciada a vitória, Lud subiu ao palco com Papatinho, DJ e produtor da canção. Anitta estrategicamente sumiu de cena —mesmo com participação na música. Entre o público, vaias e gritaria. Muitos dos artistas presentes, como Iza e Ivete Sangalo, ficaram de pé para aplaudir. Lud falou pouco, mas não se fez de rogada: virou o bumbum para quem berrava pela rival e rebolou.

Paulo Gustavo, que dividia a apresentação do prêmio com Anitta, ainda tentou acabar com o climão e discursou: "Você é uma mulher negra, gay, periférica. Não é fácil chegar aonde você chegou. Você inspira milhares de pessoas".

ludmilla prêmio multishow 2019 - Divulgação - Divulgação
Ludmilla chora ao ser premiada como melhor cantora
Imagem: Divulgação

Mas a categoria mais esperada da noite ainda estava por vir: melhor cantora. Ludmilla e Anitta disputavam o mesmo prêmio. E foi Lud quem levou. Subiu ao palco novamente, chorando e de alma lavada. Empoderada naquela aflição generalizada. Anitta saiu de cena novamente e só observou tudo de longe. Em silêncio. "Tenho que agradecer a Deus. Esse choro é de uma luta grande que estava presa dentro de mim. Quero dizer para todas as meninas que nunca deixem ninguém falar. Se vocês têm um sonho, lutem como uma garota."

Agradeceu aos fãs e à família. E emendou: "Quero agradecer até as vaias. Elas me fazem pensar no que eu gostaria que fizessem ou não com as pessoas".

Os fãs gritavam "Lud, eu te amo!". Artistas ovacionaram a cantora. Preta Gil, na plateia, chorava.

ludmilla prêmio multishow 2019 - Divulgação - Divulgação
Ludmilla levou o funk ao prêmio
Imagem: Divulgação
E a artista ainda tinha mais uma aparição a fazer, mas, desta vez, Anitta não correu. Em coro com o amigo Paulo Gustavo anunciou em alto e bom som: "Ludmilla!". Com uma joia pendurada no pescoço trazendo seu nome, uma camiseta com a inscrição "favela" e uma jaqueta em homenagem a Mr. Catra, Lud levou o funk raiz para o prêmio e criou seu baile particular.

Cantou cercada por muitas mulheres, deu evidência a bailarinas negras e visibilidade a belezas que não fazem parte dos padrões tradicionais. Promoveu uma verdadeira festa na favela em pleno Prêmio Multishow. E ainda beijou a namorada, Brunna, no palco.

Anitta, provavelmente prevendo tanta aflição, já vinha se mostrando mais contida desde o início da apresentação. Talvez estivesse até nervosa. Aparentemente desconfortável num vestido de gala —ela trocou de roupa quatro vezes—, admitiu que teve dor de barriga antes de entrar no palco. E não perdeu a chance de contar: "Me deu vontade de cagar".

anitta canta com marilia mendonça prêmio multishow 2019 - Divulgação - Divulgação
Marília Mendonça e Anitta dividem o palco e mostram nova música
Imagem: Divulgação

Longe do espírito desbocado e irônico que costuma marcar suas performances, seguiu firme no comando da premiação. Ego abalado? Possivelmente. Descer do salto? Jamais. Apresentou sua nova música, "Some que Ele Vem Atrás", com Marília Mendonça. Fez algumas brincadeiras e até sugeriu que Paulo Gustavo trocasse de posição com ela, pois sua plástica estava melhor do outro lado. Também conversou sobre um de seus assuntos favoritos: pegação. "Estou sempre preparada para beijar na boca."

E quando aquela aflição coletiva já chegava a níveis quase intoleráveis, saiu finalmente o último prêmio da noite. Vocês pensaram que Anitta iria embora sem rebolar a sua bunda? Pois ela venceu a categoria Clipe TVZ com a música "Terremoto", em parceria com Kevinho. Respiro de alívio e, desta vez, nada de agradecer a si mesma, como havia feito no Rock in Rio. O mais seguro era seguir o caminho tradicional: "Obrigada aos meus fãs e aos fãs do Kevinho que votaram. Obrigada Kevinho por ter me mandado essa música".

Confira, abaixo, todos os vencedores da noite.

Grupo do ano:

Atitude 67 (VENCEDORES)

Baiana System

Melim

Sorriso Maroto

Turma do Pagode

. Fiat Argo Experimente:

Duda Beat

Jão

Lagum (VENCEDOR)

Malia

Vitão

. Música Chiclete do ano:

"Atrasadinha" (Felipe Araújo com participação de Ferrugem)

"Bola Rebola" (Anitta, Tropkillaz e J. Balvin com participação de MC Zaac)

"Jenifer" (Gabriel Diniz)

"Medley da Gaiola" (Mc Kevinho o Chris e Dennis)

"Onda Diferente" (Anitta, Ludmilla e Snoop Dogg, com participação de Papatinho) (VENCEDOR)

. Cantora do ano:

Anitta

Ivete Sangalo

Iza

Ludmilla (VENCEDORA)

Marília Mendonça

. Cantor do ano:

Dilsinho (VENCEDOR)

Ferrugem

Gabriel Diniz (In Memorian)

Gusttavo Lima

Wesley Safadão

. Show do ano:

Baiana System

Gusttavo Lima

Marília Mendonça (VENCEDORA)

Thiaguinho

Tribalistas

. Dupla do ano:

Anavitória

Jorge & Mateus

Matheus & Kauan

Simone & Simaria

Zé Neto e Cristiano (VENCEDORES)

. Revelação do ano:

Duda Beat (VENCEDORA)

Mc Tha

Josyara

. Canção do ano:

Amarelo (Emicida part. Majur e Pabllo Vittar)

Hoje Eu Vou Parar na Gaiola (MC Livinho part. DJ Rennan da Penha) (VENCEDORES)

Sulamericano (BaianaSystem)

. Disco do ano:

Abaixo de Zero: Hello Hell (Black Alien) (VENCEDORES)

Ladrão (Djonga)

O Futuro Não Demora (BaianaSystem)

. Música do ano

"Atrasadinha" (Felipe Araújo com participação de Ferrugem) (VENCEDORA)

"Dona de Mim" (Iza)

"Jenifer" (Gabriel Diniz)

"Péssimo Negócio" (Dilsinho)

"Todo Mundo vai Sofrer" (Marília Mendonça)

. Clipe TVZ do ano:

Amor Bandido (Lexa e MC Kekel)

Bem Pior Que Eu (Marília Mendonça)

Garupa (Luísa Sonza, Pabllo Vittar)

Terremoto (Anitta & Kevinho) (VENCEDORES)

Vingança (Luan Santana ft Mc Kekel)

Famosos