Topo

Televisão


Professor em Malhação, André Ramiro vê semelhança com "aspira" de Tropa

André Ramiro interpreta o professor Celso em Malhação - Toda Forma de Amar - Reprodução/TV Globo
André Ramiro interpreta o professor Celso em Malhação - Toda Forma de Amar Imagem: Reprodução/TV Globo

Paulo Pacheco

Do UOL, em São Paulo

18/11/2019 04h00

Resumo da notícia

  • André Ramiro interpreta o professor de história Celso em Malhação - Toda Forma de Amar
  • O ator, conhecido como Mathias, de Tropa de Elite, diz que seus papéis na novela e no filme têm semelhanças
  • Em Malhação, o personagem de André Ramiro disputa o amor de Carla (Mariana Santos) com o policial Marco (Julio Machado)

Treze anos após estrear como ator em Tropa de Elite, na pele do policial e estudante de direito Mathias, André Ramiro trocou de lugar na sala de aula e hoje é professor em Malhação - Toda Forma de Amar. Celso ministra aulas de história no colégio estadual Otto Lara Resende e já colocou em debate temas como cotas raciais em universidades.

Convidado para ser professor em Malhação, André Ramiro comemora a oportunidade de usar a arte e seu personagem na novela como forma de empoderar outras pessoas por meio da transmissão de conhecimento. Ao UOL, o ator diz que Celso é essencial para propor o debate de ideias que falta à sociedade atual.

"Um dos maiores atrasos do racismo no mundo, mas principalmente no Brasil, foi nas oportunidades de conhecimento. O verdadeiro empoderamento é o conhecimento, é a ferramenta para se tornar autossustentável ou gerar melhorias para seu círculo social. Fazer o Celso é um privilégio, é um papel que venho buscando há um tempo, e o professor transmite essas informações para os alunos. É uma honra ter um personagem como esse e em um momento de polarização política em que vivemos", analisa.

Para Ramiro, ser professor na ficção tem um significado especial. Após intercalar papéis violentos, ele dá vida a um personagem de destaque e importância na sociedade, mas interpretado por poucos atores negros.

"Sigo nesses 13 anos uma trajetória de sair desse estigma do homem negro violento e com a arma na mão. Esta é uma das minhas militâncias no meio artístico, e venho buscando cada vez mais personagens que fujam e saiam desse ambiente. No meio dessa trajetória, já conquistei o médico, o pai de família, o homem que ama. Nós, atores e atrizes negros, estamos muito unidos e já não estamos mais aceitando fazer papéis que não coloquem o negro nesta esfera social de poder", explica.

André Ramiro como o estudante de direito e policial André Mathias no filme Tropa de Elite - Reprodução
André Ramiro como o estudante de direito e policial André Mathias no filme Tropa de Elite
Imagem: Reprodução

Celso e Mathias, professor e aluno

Como seria um debate em sala de aula entre o professor Celso, que reconhece a violência policial contra negros, e Mathias, que na faculdade se incomodou com os colegas reclamando da truculência policial e disparou que eles estavam "muito mal influenciados por jornalzinho e televisão"? André Ramiro vê semelhanças entre os dois personagens.

"Celso também sabe ouvir as diferenças. Não é porque um seria policial e outro professor, que vivem em ambientes diferentes, que os dois não poderiam se entender. Muito pelo contrário, acho até que os dois se identificariam. Eram dois personagens inteligentes, um estudando direito e outro professor de história. Acho que poderia rolar uma identificação natural e uma soma de forças, cada um de acordo com a sua experiência em seu universo", compara.

Celso e Marco disputam o amor de Carla em Malhação - Toda Forma de Amar - Reprodução/TV Globo
Celso e Marco disputam o amor de Carla em Malhação - Toda Forma de Amar
Imagem: Reprodução/TV Globo

Disputa com policial só no amor

Em Malhação, Celso se interessou por Carla (Mariana Santos), mas ela namora o policial Marco (Julio Machado). "Logo com o policial, né?", brinca André Ramiro. A disputa com o major na novela, porém, é "no amor", como diria o miliciano Rocha (Sandro Rocha) em Tropa de Elite 2.

"Faço votos para que o [Emanuel] Jacobina [autor de Malhação - Toda Forma de Amar], se não com a Carla, pelo menos encontre algum romance para o Celso, porque acho legal também esse homem que se mostra admirável e tão inteligente tenha um lugar onde ame. Uma pitada de romance nesse personagem não faz mal a ninguém", diz Ramiro, aos risos.

Televisão