PUBLICIDADE
Topo

Famosos


Filha de Fernanda Young celebra livro póstumo da mãe: "Cabeça genial"

Colaboração para o UOL

05/12/2019 19h01

A filha de Fernanda Young, Estela May, mostrou em seu Instagram na tarde de hoje a capa do livro novo de sua mãe, Posso Pedir Perdão, Só Não Posso Deixar de Pecar, lançado recentemente.

Este é um lançamento póstumo de Young, que morreu no dia 25 de agosto, após uma parada cardíaca causada por uma crise de asma. Ela escreveu a história quando tinha 17 anos, e ainda se preparava para entrar na faculdade de Letras.

"Saiu nas livrarias!!!! Lembro quando ela achou todos esses calhamaços de textos que ela tinha escrito em 80 e tanto. Ela me leu algumas passagens, perguntou se eu achava chocante demais. Falei que sim. E que era maravilhoso. A cabeça de 17 anos da minha mãe. A cabeça genial da minha mãe", escreveu Estela na legenda da postagem.

Nos comentários do post, muitos se manifestaram querendo ler o novo livro de Young. Entre os famosos estavam Débora Nascimento, Maria Gadu, Mônica Iozzi e Fernanda Nobre.

O livro, lançado pela editora LeYa Brasil, conta a história de "uma jovem que, ao ter sua primeira menstruação, começa a ver o mundo de outra maneira - uma que não condiz com o olhar religioso da sua família, e sim com a liberdade de ser mulher", segundo prefácio escrito por outra filha da escritora, Cecília Madonna Young, irmã gêmea de Estela - que ficou responsável pela capa.

Este foi o último trabalho ao qual Young se dedicaria em vida. Ela teve dúvidas se deveria ou não publicar o livro, mas resolveu fazê-lo por conta do momento atual no país, que ela costumava chamar de "retrógrado" e "cafona". A autora chegou a definir uma ampliação dos temas mostrados no livro, mas sua morte a impediu.

Fernanda Young era casada com o roteirista Alexandre Machado e eram pais, além de Estela e Cecília, de Catarina Lakshimi e John Gopala, ambos de 10 anos.

Famosos