PUBLICIDADE
Topo

Novela

Éramos Seis


De origem humilde, ator de 'Éramos Seis' sonha em comprar casa para os pais

Jhona Burjack interpreta Lúcio em "Éramos Seis" - Raquel Cunha/Globo
Jhona Burjack interpreta Lúcio em "Éramos Seis" Imagem: Raquel Cunha/Globo

Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

18/02/2020 12h00

Jhona Burjack, 25 anos, o Lúcio de "Éramos Seis", já desfilou para grifes famosas mundialmente: Armani, Dolce & Gabbana e Moschino são algumas delas. Ele ganhou o mundo da moda graças ao apoio da namorada, Gabriella Pires, a quem vê como um porto seguro, e recebeu o convite para a novela global após ser visto por um diretor em um comercial gravado com a atriz espanhola Rossy de Palma, a musa de Pedro Almodóvar.

Nascido e criado na cidade de Gama, Brasília, Jhona gosta de citar sua origem, mantém a fala mansa e olhar tímido de um jovem do interior, e se emociona facilmente ao lembrar sua trajetória.

"Sou de família humilde, meu pai, pedreiro, minha mãe trabalhou de caixa de supermercado e eu nunca pensei que me tornaria artista, gostaria de ser arquiteto. Então conheci minha namorada na escola: eu tinha 15 anos idade e ela já era modelo", contou ele nos bastidores da novela nos Estúdios Globo, no Rio.

Gabriella, com quem Jhona namora há 9 anos, recebeu o convite para morar fora do país e ficou dividida entre o trabalho e o amor. Ela foi com o namorado até a agência onde trabalhava para comunicar que havia desistido da viagem quando o casal foi surpreendido.

"O dono da agência me viu, disse que eu tinha uma beleza diferente, quis tirar umas fotos e as fotos ficaram legais. Ele viu que eu tinha uma pegada para ser modelo. Essas fotos repercutiram, eles mandaram para o mercado internacional e eles acharam que eu e minha namorada deveríamos ir morar em Milão, na Itália".

Até então, Jhona jamais havia pensado em trilhar o caminho da companheira:

Eu nem gostava, achava um saco, sempre fui da roça, gostava de ficar na fazenda com a minha família.

Jhona Burjack e a namorada Gabriella Pires - Reprodução/Instagram
Jhona Burjack e a namorada Gabriella Pires
Imagem: Reprodução/Instagram

De Milão, o casal viajou o mundo a trabalho, morou em Londres, Nova York e Paris, onde Jhona gravou o comercial com Rossy de Palma.

"No primeiro dia em que fui fazer o trabalho com ela, estava muito nervoso. Eu tinha havia tido a experiência de atuar e ela me acalmava e falava, 'relaxa, respira, tenta só viver o presente'. A gente criou um laço de amizade, tenho o contato dela, os filhos dela me adoram. Toda vez que vou para a Espanha, a gente tenta se encontrar".

Veja abaixo o comercial gravado com Rossy de Palma

Com a propaganda, ele foi convidado para o teste na Globo. A primeira tentativa foi para "Amor de Mãe", mas, como o início da novela de Manuela Dias foi adiado, ele voltou a morar no exterior, até que foi chamado para um segundo teste na emissora, desta vez para "Éramos Seis".

Com o crescimento profissional, o jovem modelo pode ajudar financeiramente os pais e ainda tem um sonho a realizar. "Sempre que posso ajudo, todo mês eu mando um dinheirinho e tenho um grande sonho de comprar a casa própria deles. Eles moram num apartamento alugado e, se um dia eu tiver a oportunidade de comprar uma casa para eles, vou comprar. É o sonho da minha mãe".

Os pais, claro, morrem de orgulho de ver o filho em uma novela da Globo. "Eles não perdem um capítulo. Minha mãe toda vez que assiste chora, meu pai adora também. Meu pai nunca gostou de assistir televisão, nem celular ele tem, mas hoje em dia ele não perde um capítulo".

Eles costumam visitá-lo no Rio de Janeiro, onde ele mora atualmente enquanto grava "Éramos Seis" e se divertem durante a passagem pela Cidade Maravilhosa.

"Toda vez que consigo, trago eles para o Rio, eles adoram porque lá em Brasília não tem mar, eles viram crianças na praia, vão todos os dias. Agora quem está aqui é minha irmã, ela tem 23 anos, nunca tinha visto o mar e ficou encantada".

Baque na primeira viagem internacional

Assim que se mudou para Milão, Jhona admite que estranhou o choque cultural e demorou para se adaptar. "Cresci numa cidade pequena, a primeira vez em que viajei para a Itália, parecia que estava em outro mundo: os costumes, as pessoas, a linguagem, foi um baque. Fiquei muito forte durante esses cinco anos fora porque sempre tive a presença da minha namorada. Ela sempre viajava comigo para todos os países, se eu não estivesse com ela, não teria conseguido. Ela é minha fortaleza", diz.

Jhona Burjack já trabalhou como modelo para as principais grifes internacionais - Reprodução/Instagram
Jhona Burjack já trabalhou como modelo para as principais grifes internacionais
Imagem: Reprodução/Instagram

O jovem ator fala sempre com encantamento pela namorada. Não é à toa que assim que acabar "Éramos Seis", ele tem planos de voltar a morar em Nova York para ficar mais perto de Gabriella e investir em cursos de interpretação.

"Tive a sorte de ter encontrado a Gabriella, que me ajudou em tudo. Ela foi abrindo os caminhos para mim, a gente se ajuda, empurra o outro para tomar o rumo certo. É ela que eu quero para ser minha esposa, a mãe dos meus filhos", derrete-se.

Jhona deixa claro o tempo todo que a ficha ainda não caiu e se surpreende ao perceber que atua ao lado de artistas que viu na TV desde a infância, como Glória Pires e Susana Vieira.

"Sempre quis ser arquiteto, eu sonhava em ter uma casa linda, mas nunca imaginei que me tornaria artista. Hoje me pergunto muito o porquê de Deus ter me aberto essas portas. Acho que tenho uma missão, um propósito", diz ele, bastante emocionado.

"Acredito em Deus, não tenho uma religião específica, mas acredito que há um poder maior que me rege e rege as pessoas. Temos que ser gentis", encerra o ator para enxugar as lágrimas.

Take me back to Australia!!!! ? Photo by @patsupsiri

Uma publicação compartilhada por Jhona Burjack (@jhona_burjack) em

Éramos Seis