PUBLICIDADE
Topo

Campanha por saída de Babu divide torcidas entre homofobia e racismo na web

Reprodução/Globoplay
Imagem: Reprodução/Globoplay

Do UOL, em São Paulo

04/04/2020 11h00

O 11º paredão do BBB 20 foi formado na noite de ontem, e Babu, Gabi e Thelma estão na berlinda.

Embora conte com o apelo de boa parte da web, os fãs do ator observaram uma campanha polêmica ganhar força nas redes sociais para que ele seja o próximo eliminado.

Logo pela manhã, a hashtag "ForaBabuMachistaHomofobico" se tornou um dos assuntos mais falados no Twitter.

A campanha ganhou ainda mais força após os defensores do Babu usarem a própria tag para rebater os críticos do ator.

A argumentação de quem apoia a saída de Babu é que o brother, durante a trajetória na casa, teve atitudes agressivas na casa ao falar das sisters. Os 'haters' ainda usaram um compilado de cenas para provarem tais situações.

A campanha ainda resgatou uma conversa entre Babu e Prior em que o ator de 40 anos chamou Daniel de "viadinho" em uma das festas.

Por outro lado, internautas saíram em defesa de Babu, afirmando que a campanha tem como foco apenas o racismo e preconceito social contra o brother, pois ele já provou em conversas com os participantes da casa que sua cultura não se encaixa em nenhum dos atributos da hashtag promovida.

Siga o UOL no

Confira a repercussão na web sobre o caso:

Os fãs de Babu repudiaram o termo machista e relembram quando ele deu aula de "feminismo" e "machismo"

E inclusive Babu mostrou que dará apoio caso seu filho seja gay

O #TeamBabu ainda se revoltou com a campanha e acusou brancos de subirem hashtag

Especial BBB20