PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Lázaro Ramos e Taís Araujo fazem live com artistas para divulgar filme

Lázaro Ramos e Taís Araújo - Reprodução/Instagram
Lázaro Ramos e Taís Araújo Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

14/05/2020 22h55

Taís Araújo e Lázaro Ramos reuniram, em uma live promovida no perfil da Globo Filmes no Instagram, o elenco do filme "Medida Provisória", dirigido pelo ator e estrelado pela atriz.

Participaram da transmissão os atores Mariana Xavier, Jéssica Ellen, Dan Ferreira e o rapper Rincon Sapiência. Taís abriu a live falando sobre sua paixão pelo cinema.

"Amo cinema, amo ir ao cinema. Os filmes mexem num lugar muito sensível meu. Tem filmes que, se falo deles, até hoje me emociono. Acho que a arte tem esse poder", afirmou ela.

Em seguida, Lázaro explicou que o filme estava pronto para estrear em março, no Festival SXSW, no Texas. Entretanto, o evento foi cancelado por conta da pandemia do novo coronavírus, que começava a se espalhar pelo planeta.

"Estávamos prontos para ir, passagens compradas, hotel, material de divulgação... E, de repente, recebemos a notícia de que ele havia sido cancelado. Ele se transformou num evento online, mas a gente preferiu guardar o projeto para mostrar mais para frente", lamentou.

Taís aproveitou para explicar como o projeto surgiu, baseado na peça "Namíbia Não", de Aldri Anunciação. "O filme é baseado nessa peça, que é a história de dois primos que ficam confinados quando sai uma medida provisória no Brasil. Olha que loucura", explicou ela. "E a gente decidiu fazer o filme naquela época porque entendeu que a história tinha uma força, mas nunca imaginamos que de fato íamos chegar nesse ponto", complementou Lázaro, que também falou sobre a experiência de dirigir um filme pela primeira vez.

"Eu boto muita fé nesse filme, mas foi apavorante dirigi-lo. Apesar de saber muito o que eu queria, não sabia se conseguiria fazer, porque o filme tem a ousadia de tentar arriscar uma linguagem, que é misturar estilos. O filme começa como uma comédia, se torna um thriller e depois vai para um drama. Isso não é muito experimentado no nosso cinema atual", observou.

Mariana Xavier agradeceu ao casal pela oportunidade de trabalhar no filme. "Este é aquele trabalho que a gente fica triste quando acaba. Na primeira leitura, eu tinha a sensação de que estava sonhando porque, quando olhei para o lado e vi vocês, Renata Sorrah, Adriana Esteves... Pensei: 'Meu Deus do céu, os meus sonhos de menina eram tão mais modestos do que chegar num filme como esse'", relembrou.

"Nenhum ator ou atriz escolhe essa profissão para ser de um personagem só. Então muito obrigada por me dar uma personagem que não tem nada a ver com meu tipo físico, que não depende disso para existir, por enxergar em mim algo além da comédia. É muito bom quando a gente tem oportunidade de encontrar alguém com um olhar sensível e amoroso como o seu, Lázaro, que tira a gente do rótulo e dá oportunidade da gente mandar um monte de coisas que temos a oferecer", agradeceu a atriz.

O casal Jéssica Ellen e Dan Ferreira apareceu juntinhos, ganhando elogio de Taís. "Ah, estão deitadinhos na cama!", comentou ela, que foi complementada pelo marido: "Quero uma foto disso, alguém fax um print!".

Jéssica disse estar emotiva: "Estou chorosa hoje, já chorei o dia inteiro", explicou. "Vi que alguém comentou aqui que esse filme vai ser tipo o nosso 'Pantera Negra'. E acho que vai ser por aí mesmo, que vai tocar muito as pessoas. Acho que a gente precisa desse tipo de filme, a gente população preta", falou.

Na hora de encerrar a transmissão, Taís e Lázaro trocaram elogios: "Tem uma característica sua que é de misturar gêneros de uma maneira que você consegue agregar e chamar o público que está assistindo para discutir aquele assunto, e de maneira muito amorosa e respeitosa para seu espectador. É uma característica muito sua e é muito bonito isso, a maneira como você consegue comunicar", começou a atriz.

"Você dá à gente a possibilidade de olhar e se enxergar potente, inteiro. E acho que tem muito a sua mão de diretor nisso, de enxergar o outro sempre como potencial. Queria te agradecer, porque você convida para que todo mundo conte as suas histórias junto com você, cada um sendo protagonista das suas próprias histórias. Isso é muito bonito", finalizou.

Lázaro se mostrou comovido com as palavras da esposa. "Quando a sua esposa fala um negócio desse... Eu não sei responder", afirmou. "Essa personagem que a Taís faz, a Capitu, é muito difícil, mas ter uma atriz como a Taís defendendo faz com que a personagem fique muito maior. Essa é uma característica sua como atriz. Eu amo trabalhar com você, eu amo dirigir você, amo trabalhar como ator com você... Então agradeço você mais uma vez por mais esse trabalho e pela companheira que você é", ponderou ele.

Famosos