PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Megan Thee Stallion diz que foi baleada antes da prisão de Tory Lanez

A rapper Megan Thee Stallion diz que levou um tiro no pé - Reprodução/Instagram
A rapper Megan Thee Stallion diz que levou um tiro no pé Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

16/07/2020 14h25

A rapper Megan Thee Stallion revelou que foi baleada e passou por cirurgia para remover as balas, no domingo (12), antes da prisão do rapper Tory Lanez, em Hollywood Hills. Em relato nas redes sociais, ela disse que "um crime foi cometido" contra ela.

"A narrativa que está sendo relatada sobre os eventos da manhã de domingo é imprecisa e eu gostaria de esclarecer as coisas. No domingo de manhã, sofri ferimentos de bala, como resultado de um crime que foi cometido contra mim e realizado com a intenção de me machucar fisicamente", escreveu em uma publicação no Instagram.

No texto, ela ainda relata: "Eu nunca fui presa, os policiais me levaram ao hospital onde fui submetido a uma cirurgia para remover as balas. Estou incrivelmente grata por estar viva e por ter uma recuperação completa, mas era importante esclarecer os detalhes sobre essa noite traumática. Atualmente, estou focada na minha recuperação, para poder voltar à minha vida e voltar a fazer música o mais rápido possível".

De acordo com o site TMZ, a polícia de Los Angeles disse que, em momento nenhum, Megan relatou ter sido vítima de um crime. "No momento em que Megan Thee esteve com a polícia, ela não informou que foi vítima de nenhum crime. E a polícia de Los Angeles ainda não recebeu nenhuma informação adicional", disse o porta-voz da polícia para o site.

Na ocasião, a polícia foi chamada para atender reclamação de vizinhos por perturbação, ao serem ouvidos tiros durante uma discussão dentro de um carro, no qual os dois rappers e outra mulher estavam, do lado de fora de uma festa em Hollywood Hills.

Lanez foi detido após a polícia encontrar uma arma escondida no carro que ele dirigia.

Famosos