PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Babu diz que sair da favela serve para defender filho de 'dura' da polícia

Babu Santana durante entrevista em live - Reprodução/Instagram
Babu Santana durante entrevista em live Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

30/07/2020 20h23

Babu Santana abriu seu coração na tarde de hoje durante entrevista em live da Revista Marie Claire. Próximo ao Dia dos Pais, o ator refletiu sobre os desafios de abordar a temática do racismo com seus filhos, Laura, 17 anos, Carlos Alexandre, 16, e Piná, 4.

"Eu sempre pensei em como iria falar sobre esse tema com meus filhos, principalmente para minha filha que é branca e tem cabelo cacheado. Falo o quanto ela é linda, como qualquer outra criança. Que ela vai precisar se defender de comentários ao longo da vida e nós debatemos muito", contou o ator.

Ele também abordou a questão da violência policial. "Um dos fatos de sair da favela foi defender meu filho para que ele não tomasse uma dura [da polícia] todos os dias", disse.

"Ser pai é um desafio, não é só sobre racismo, as coisas vão aparecendo e não te dão um manual. Tem coisas que só iremos aprender conforme a vida vai se apresentando, mas meu filho já entende que a minoria de representatividade tem seu espaço."

Babu ainda falou que acredita que seus filhos possuem privilégios que ele não teve durante sua juventude. "Estão crescendo numa outra classe social e com discursos mobilizados das minorias, como mulheres e LGBTQ+, e essas pessoas não querem abrir mão dos seus direitos. Para a Laura foi muito bom assistir ao BBB e ver as discussões que o programa levantou, espero que não seja só um modismo das redes sociais".

O ator ainda defendeu que existe uma necessidade muito grande em abrir espaços de conversas para combater os preconceitos presentes na sociedade. "Não acho que devemos ser radicais, é preciso abrir um diálogo. Nosso maior desafio agora é ter calma, conversar e saber que não basta ser antirracismo, tem que ser antirracista".

Figura integrante da campanha de Dia dos Pais da Natura, ao lado de Thammy Miranda, o ator comentou a polêmica envolvendo o colega e ainda falou sobre a necessidade de se respeitar as diferenças.

"O Thammy é um homem e pai incrível. Não tem problema algum ele ser um pai trans. O problema está nas 5 milhões de crianças sem pai no registro de nascimento e nas milhares de mães solo", disse, endossando o vídeo publicado pelo colega ontem. "Temos que aprender a conviver com as diferenças e diversidades".

"Uma pilha de processos 'ganhos'"

Sua participação durante o Big Brother Brasil 2020 teve polêmicas envolvendo inclusive outros participantes que foram acusados de protagonizarem episódios racistas dentro da casa.

De acordo com o ator, seu advogado chegou a mostrar para ele possíveis ações que ele poderia abrir após o programa. "Uma pilha de processos 'ganhos'. Eu nem li, não quero lidar com essa negatividade", contou.

Babu ainda revelou que não costuma ler críticas ou comentários ofensivos nas redes sociais. "Vai gastar caneta, porque não vou ler."

O ator também comentou sobre "cultura do cancelamento" que tem tomado as redes sociais. "É como se milhares de pessoas tivessem batendo em uma. Faça uma crítica a uma pessoa se for preciso, mas cancelar é muito falta do que fazer. Eu ignoro essas coisas, posso falar besteira também, mas não gostou, deixa de seguir. As coisas negativas sempre estarão aí, precisamos aprender a lidar com elas e não dar muita bola", afirmou.

Famosos