PUBLICIDADE
Topo

'Totalmente Demais': Leona Cavalli revela grupo ativo no 'zap' com elenco

Leona Cavalli em cena de "Totalmente Demais" - Reprodução/TV Globo
Leona Cavalli em cena de "Totalmente Demais" Imagem: Reprodução/TV Globo

Rafael Godinho

Do UOL, no Rio

30/07/2020 04h00

A reprise de "Totalmente Demais" tem comovido também o elenco da trama das 19h, da Globo. Em conversa com UOL, Leona Cavalli, intérprete de Gilda, falou que a amizade com os colegas permanece até hoje e o grupo deles no WhatsApp continua funcionando, desde 2015, quando a novela foi ar pela primeira vez.

O nosso grupo de WhatsApp ainda é ativo. Tenho uma boa relação com a Marina Ruy Barbosa, o Paulo Rocha, a Samantha Schmutz, o Fábio Assunção, a própria Juliana Paes e o Humberto Martins. Mas todo mundo se deu muito bem. Já tinha trabalhado com a maioria deles

Para a atriz, o êxito do folhetim está no misto de bom humor e seriedade.

Estou muito feliz com o sucesso novamente da novela, porque a gente consegue trazer tanto alegria quanto reflexão com essa trama. Foi além das nossas expectativas na época e agora também.

Na história, Gilda vive um drama. A mãe de Eliza (Marina Ruy Barbosa) não consegue se separar do marido, Dino (Paulo Rocha), que tem uma obsessão por sua filha.

Fiquei muito chocada por descobrir que mais de 50% das famílias brasileiras têm casos semelhantes. Recebi muitos depoimentos de pessoas que já haviam passado por essa situação horrível.

Leona ressalta o papel social da novela ao falar do tema.

Na época, ficamos preocupados com a repercussão, por ser uma novela das 19h, que teria que ser mais leve. Mas foi positivo. A importância de a novela tocar nesse assunto é fundamental para que mais pessoas denunciem.

Entre os assuntos mais comentados na semana no Twitter, por conta da omissão da mãe em relação à prisão de Eliza, quando ela tenta fugir do padrasto, Gilda foi considerada a vilã da história. A atriz concorda.

Uma das principais qualidades da Gilda como personagem é essa ambiguidade. Ela não é uma pessoa maldosa, ela é uma mulher amorosa, que cuida dos filhos, mas nessa situação grave da omissão dela, ela se torna uma vilã.

Leona não sabe definir o qual motivo leva a personagem e outras mulheres a serem omissas em um relacionamento abusivo do marido com a filha.

Ela é uma pessoa do bem, várias qualidades de caráter, mas tem essa falha grave da omissão. Talvez seja o amor, paixão, a dependência financeira do marido, e, neste caso, ela tem os outros dois filhos também.

Dragão Auto Existente Vermelho ??

Uma publicação compartilhada por Leona Cavalli (@leonacavalli) em

Leona zen na quarentena

Para manter a saúde mental, Leona tem praticado o Sincronário da Paz/ Sincronário Maya, um estudo do tempo que trabalha as energias.

Ajuda muito porque é uma frequência que sintoniza. Tem uma análise da vibração para cada dia.

Ela ainda faz meditação, Tai chi chuan, ioga e dança.

Além de cuidar do físico, que é necessário, temos que ter o cuidado com a saúde mental. É isso que as pessoas estão mais precisando neste momento.

Totalmente Demais