PUBLICIDADE
Topo

Príncipe Andrew é acusado na Justiça de fazer 'orgia com menores', diz site

Príncipe Andrew - SWEN PFÖRTNER / DPA / AFP
Príncipe Andrew Imagem: SWEN PFÖRTNER / DPA / AFP

Do UOL, em São Paulo

31/07/2020 19h38

O príncipe Andrew foi acusado na justiça de ser o "indivíduo poderoso" que era alvo das "escravas sexuais" de Jeffrey Epstein, principalmente de Virginia Giuffre. As informações são do tabloide britânico The Mirror, que teve acesso aos documentos.

Nos processos, o príncipe também é acusado de fazer "orgia com várias outras meninas menores de idade". O Mirror aponta ainda que ele "pressionou o governo dos EUA a conceder um acordo judicial" a Epstein, em 2007.

Em uma das ações, divulgada hoje por um juiz de Nova York, Giuffre foi questionada sob juramento o que Andrew sabia sobre Epstein. Ela respondeu: "Ele saberia muita verdade".

O príncipe ainda não conversou com o FBI sobre Epstein, que cometeu suicídio na prisão em agosto de 2019, aos 66 anos. O advogado Spencer Kuvin, que há 10 anos representa as mulheres abusadas por Epstein, disse ao site:

"O príncipe Andrew tem muito a responder, dadas essas novas revelações, e continuamos a pedir para que dê um passo à frente, seja homem e fale a verdade sobre o que ele sabe."

"Se esconder atrás da monarquia é covarde e muito abaixo de sua posição, e ele francamente se tornou uma vergonha para a família real. É nossa esperança que toda a extensão do esquema ilícito da pirâmide sexuais de Epstein continue a ser desvendada

Famosos