PUBLICIDADE
Topo

Televisão

Repórter da Globo rebate entrevistado com fala negacionista sobre pandemia

Repórter Bianka Carvalho rebateu questionamento sobre eficácia do isolamento social - Reprodução/TV Globo
Repórter Bianka Carvalho rebateu questionamento sobre eficácia do isolamento social Imagem: Reprodução/TV Globo

Do UOL, em São Paulo

14/08/2020 12h12

Uma repórter da afiliada da TV Globo em Pernambuco decidiu hoje rebater ao vivo um entrevistado que fazia declarações negacionistas sobre a pandemia do coronavírus. Em debate sobre a volta às aulas, Bianka Carvalho contestou a declaração de que o isolamento social não é uma medida eficiente no combate à propagação do vírus.

"É muito relativo esse isolamento", disse Reginaldo Valença, presidente da Associação dos Pais de Alunos das Escolas Públicas e Particulares.

"A discussão é se o isolamento foi uma medida correta, que não tem base científica também, se o problema é científico", completou Valença.

A repórter não interrompeu a fala do entrevistado, mas depois pediu permissão para fazer uma observação e corrigir o representante de pais de alunos.

"Há, sim, uma indicação científica, a Organização Mundial da Saúde (OMS) no mundo inteiro defendeu o isolamento, inclusive países que não tinham feito esse isolamento depois retrocederam e fizeram por entenderem que não fazer o distanciamento provocou mais contaminação e mais mortes", explicou Bianka.

Valença, porém, demonstrou não confiar na OMS. "Infelizmente a OMS não é referência, ela já errou várias vezes desde o início da pandemia", argumentou, também duvidando das mais de 100 mil mortes provocadas pela pandemia no Brasil.

"Não tem 100 mil mortes inventadas", rebateu a repórter, acrescentando que há "milhões de pessoas doentes" pela covid-19 no mundo.

Televisão