PUBLICIDADE
Topo

TV e Famosos

Paolla Oliveira fala da volta de A Força do Querer: "continua muito atual"

Jeiza (Paolla Oliveira) durante operação em "A Força do Querer" - Reprodução/GShow
Jeiza (Paolla Oliveira) durante operação em "A Força do Querer" Imagem: Reprodução/GShow

Do UOL, em São Paulo

20/09/2020 12h16

Exibida pela TV Globo em 2017, a novela "A Força do Querer" voltará para as telinhas na segunda-feira (21), às 21h, em formato de reprise. Para Paolla Oliveira, que fez o papel da major Jeiza —uma das protagonistas da novela—, a volta do folhetim para a TV mostra que a história "continua muito atual, muito moderna e muito forte".

"A novela passou há 3 anos só, provavelmente ainda vai mexer muito com a cabeça do público e, quem poderia imaginar, sendo reprisada no horário nobre", disse a atriz em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo.

Paolla admitiu, no entanto, que a possibilidade de reprise não havia passado antes por sua cabeça. Em meio à pandemia, a Globo precisou interromper as gravações que estavam em andamento e passou a reprisar outras novelas.

"Se me perguntassem se isso era possível antes disso tudo [a pandemia] acontecer, eu ia falar que não", afirmou.

A reexibição de "Fina Estampa", por exemplo, resultou em grande audiência para a emissora. A Globo já retomou os trabalhos das novas produções, mas a previsão é que esses conteúdos só sejam exibidos no ano que vem.

Em "A Força do Querer', além de exercer a função de policial, Jeiza também é lutadora de MMA (Artes Marciais Mistas). Ao jornal O Estado de S. Paulo, ela falou da preparação física intensa para o papel.

"Eu, por acaso, gosto muito de trabalhar com o corpo, com o físico, e comecei a encontrar a Jeiza a partir da luta dela, da profissão dela, que é policial militar", disse.

"Então, a partir dessas movimentações em torno disso é que fui encontrando a Jeiza, que é generosa, boa filha, bom caráter, ao mesmo tempo, com essa força física.

Paolla, que nas gravações da novela dividiu cenas com o cão policial Iron, falou ainda de seu engajamento com a causa animal no dia a dia. Ela colabora com abrigos de animais e é madrinha da ONG Paraíso dos Focinhos, no Rio de Janeiro.

"A gente vai se dividindo. Acho que tenho uns dez cachorros espalhados em hotéis, em casas temporárias, esperando adoção. Então, meu trabalho se estende para ONGs e tem o trabalho particular que fazemos nesse pequeno grupo que formamos", declarou.

TV e Famosos