PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Apresentadora da Globo se emociona ao lembrar morte da mãe, aos 33 anos

Valéria Almeida fez desabafo sobre história pessoal com doação de órgãos no "Bem Estar" - Reprodução/GShow
Valéria Almeida fez desabafo sobre história pessoal com doação de órgãos no "Bem Estar" Imagem: Reprodução/GShow

Colaboração para o UOL, em São Paulo

28/09/2020 12h23Atualizada em 28/09/2020 12h24

Valéria Almeida estreou hoje na apresentação do "Bem Estar", na manhã da TV Globo, contando a história sobre a perda de sua mãe, aos 33 anos, por um problema nos rins.

A jornalista, que está cobrindo as férias de Michele Loreto no quadro do "Encontro", comentava uma reportagem especial do programa sobre doação de órgãos quando decidiu contar sua experiência pessoal com o assunto.

"Infelizmente, eu faço parte da população que foi impactada pelo lado negativo dos índices do transplante, eu perdi minha mãe bem cedinho enquanto ela aguardava um rim. Eu tinha 10 anos e minha mãe tinha 33. Então, a gente está falando de um tempo muito precioso", defendeu Valéria, estimulando que os espectadores se declarem doadores de órgãos.

"A ideia dessa campanha é sensibilizar a população e fazer com que as pessoas queiram doar e, principalmente, pra que elas falem para seus familiares, pra que o seu desejo seja respeitado e que, no final, outras pessoas tenham a chance de viver", completou ela, emocionada.

"Ô, Valéria, obrigada, que importante, que lindo, que forte, o seu depoimento", elogiou Fernanda Gentil, que substituiu Fátima Bernardes, presença confirmada à noite no Criança Esperança, no "Encontro" de hoje.

Famosos