PUBLICIDADE
Topo

TV e Famosos

Equipe de afiliada da RecordTV flagra e interrompe ataque com faca no Amapá

Gabriel Dias

Colaboração para o UOL, em Macapá

21/10/2020 16h01

Uma equipe de reportagem da TV Equinócio, afiliada da RecordTV no Amapá, flagrou ontem um homem ameaçando outro com uma faca, em frente ao Colégio Amapaense, no centro de Macapá. A ação foi registrada em vídeo pelo repórter cinematográfico Salgado Júnior, com a câmera do celular.

A equipe formada pelo cinegrafista, o produtor Fernando Carneiro e o apresentador Sérgio Bringel vinha de uma gravação externa, por volta das 16h, quando flagrou um homem correndo atrás do outro com uma faca em punho.

De acordo com Salgado Júnior, quando a equipe chegou em frente ao Colégio Amapaense, um dos homens estava preso debaixo de um do portão da escola, que ele havia tentado pular para fugir. Os jornalistas se aproximaram e perceberam que o agressor já havia desferido pelo menos três golpes de faca na vítima, que tinha alguns cortes superficiais nos braços.

Salgado Júnior, Sérgio Bringel e Fernando Carneiro flagraram a tentativa de homicídio com faca - Acervo Pessoal/Salgado Júnior - Acervo Pessoal/Salgado Júnior
Salgado Júnior, Sérgio Bringel e Fernando Carneiro flagraram a tentativa de homicídio com faca
Imagem: Acervo Pessoal/Salgado Júnior

"Minha primeira reação ao ver a cena foi correr atrás do que estava acontecendo. Como trabalhamos com notícia, essa foi uma reação natural da minha profissão. Quando me deparei com a cena vi que havia dois homens brigando. Um deles estava no chão ferido e o outro estava tentando esfaqueá-lo. Foi quando eu disse que ele não precisava fazer aquilo e que eu estava registrando tudo", relatou o repórter cinematográfico ao UOL.

No vídeo gravado pelo jornalista é possível ver que o agressor se preparava para desferir mais golpes, a equipe de reportagem interveio para tentar acalmar o rapaz. Diante das testemunhas o homem recuou, mas ainda tentou retrucar, justificando que o outro o perturbava.

"A primeira reação que a gente teve foi de correr para tentar registrar e ao mesmo tempo evitar uma morte, porque estava claro ali naquele momento que o intuito dele era machucar o outro rapaz", explicou o produtor Fernando Cordeiro.

Os dois homens envolvidos na confusão acabaram fugindo do local antes da chegada da Polícia Militar. Por esse motivo, não houve nenhum registro de ocorrência.

"Os dois acabaram se evadindo muito rápido de lá. O agressor se livrou da faca, correu e conseguiu fugir. Já o outro mesmo com alguns cortes superficiais acabou indo para outro canto, e aí a polícia acabou nem intervindo nessa situação. Mas ficou registrado tudo o que aconteceu e graças a Deus ninguém se machucou seriamente", contou Carneiro.

TV e Famosos