PUBLICIDADE
Topo

Integrantes do SuperM revelam sonho de trabalhar com Rosalía

Colaboração para Splash, em São Paulo

22/10/2020 20h49

Um dos grupos de K-Pop mais idolatrados pelos inúmeros fãs ao redor do mundo, o SuperM participou com exclusividade de um vídeo para o "OtaLab" no UOL nesta quinta-feira (22). Ao responder algumas perguntas dos fãs brasileiros, Ten revelou com qual artista gostaria de trabalhar.

Seria a Rosalía porque eu costumava assistir às performances dela nas redes sociais e gostaria de trabalhar com ela com uma colaboração!

Baekhyun ainda comentou como é atingir públicos com culturas diferentes como o Brasil, por exemplo.

Em primeiro lugar gostaríamos de agradecer por todo o amor. É nosso objetivo fazer um show aí para nossos fãs. Peço que fiquem saudáveis e seguros. Esperamos que sejam felizes todos os dias!

Sem perder toda a diferença cultural que existe dentro do grupo devido às nacionalidades dos integrantes, uma das fãs quis saber qual costume foi compartilhado entre eles e como foi tal experiência. Kai foi quem respondeu tal pergunta.

Aprendemos a ser especialmente respeitosos e gratos por todas as diferentes culturas. Aprendemos sempre uns com os outros.

Antenada desde a estreia da banda, outra fã do SuperM falou que no início eles foram comparados aos Vingadores do K-pop por serem originários de outros grupos musicais. Curiosa, ela questionou qual herói eles gostariam de ser por um dia. Lucas não titubeou e falou em nome do grupo.

Homem de Ferro. Quero usar aquela armadura chique e voar livremente por um dia.

Pensa que acabou por aí?

O SuperM ainda falou o que podem esperar do seu primeiro álbum para quem ainda não ouviu nada suas canções. Mark foi o escolhido para falar sobre o assunto.

Muitas músicas com uma playlist de 15 faixas. Ele é bem compacto. Cada música tem sua própria história. O mais importante é que vocês sintam a energia do álbum.

Planos de vir ao Brasil

Nunca fomos à América do Sul com o SuperM, mas alguns de nós já fomos por conta própria. Há algo do nosso grupo que se encaixa na América do Sul, afinal temos uma energia incrível. Queremos percorrer da Argentina ao Brasil e Chile.

Quer acompanhar tudo que a banda falou no "OtaLab"? Clique no vídeo acima e confira toda a entrevista!