PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Prior diz que achou que incentivava o voto ao postar vídeo de urna: 'Errei'

Felipe Prior explica gravação de urna eletrônica: "Não sabia que não podia" - Reprodução/Instagram
Felipe Prior explica gravação de urna eletrônica: 'Não sabia que não podia' Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em Santos

17/11/2020 14h38

O ex-BBB Felipe Prior admite que errou ao publicar, nas redes sociais, um vídeo mexendo em uma urna eletrônica ao votar nas eleições municipais de São Paulo, no domingo. Ele diz, no entanto, que acho que estava incentivando a participação nas eleições ao fazer isso.

Usar o celular na cabine é crime eleitoral, e Prior diz que percebeu olhares estranhos quando foi votar, mas achou que eram pelo fato de ser conhecido.

"Na minha vez, a máquina travou e demorou uns 15 minutos para liberar. Peguei o celular, porque estava sem fazer nada, cheguei na urna [e fiz o vídeo], mas não mostrei meu voto, não fiz nada. Não sabia que não podia", disse, em entrevista ao canal de YouTube "Eu fico Loko".

"Fiz uma brincadeira com o meu público, tipo, 'tive 1,5 bilhão de votos no paredão [em que foi eliminado do BBB 20]'. Pensei, 'hoje é dia de votar, estou dando exemplo, fazendo a minha parte'. Sempre disse que não me envolvo com política, mas sempre batalhei por um país, um estado e uma cidade mehores. Eu não tinha a noção de de que iria repercutir."

Por fim, o ex-BBB disse que está se acostumando com a ideia de que, agora, tem de servir de exemplo para as pessoas, uma vez que tem muitos seguidores nas redes sociais. "Na vida a gente comete erros, e esse pé um desses", disse.

No domingo, Prior foi criticado ao publicar, na função stories do Instagram, o vídeo em uma urna eletrônica. "Aqui, ó, fica Prior", diz, nas imagens.

Ainda na última semana, Prior foi alvo de outra polêmica, quando apareceu em um vídeo apanhando em uma briga em Ilhabela (SP), litoral paulista. As imagens inspiraram memes nas redes sociais.

Famosos