PUBLICIDADE
Topo

Televisão

Patrícia Poeta é criticada por apontar 'intolerância' em protestos raciais

Patrícia Poeta - Reprodução/ Instagram
Patrícia Poeta Imagem: Reprodução/ Instagram

Do UOL, em São Paulo

21/11/2020 11h45

Uma fala de Patrícia Poeta durante o "É de Casa" na manhã de hoje acabou repercutindo mal nas redes sociais. A jornalista e apresentadora foi criticada por defender que os protestos contra a morte de João Alberto Silveira Freitas foram intolerantes. Em algumas cidades, manifestantes quebraram vidraças e atearam fogo em supermercados ontem.

"A gente quer união e paz. Tenho falado muito com as pessoas do sul. Houve protestos democráticos. Os protestos são muito bem-vindos. Acho isso realmente lindo. A gente não pode deixar vândalos se infiltrarem nesses protestos dignos e esvaziarem a causa", disse Patrícia.

"Soube que as pessoas que estavam democraticamente protestando acabaram saindo porque vândalos se infiltraram e começaram a atirar pedras em policiais negros. Isso acaba esvaziando o que era a causa. A gente tem que mostrar, denunciar, acompanhar, mas não deixar que isso vire uma guerra. Aí estamos aumentando a intolerância. A gente quer inclusão", defendeu a apresentadora.

No Twitter, muitos usuários se revoltaram com a fala de Patrícia. "Urgente! Patrícia Poeta na defesa das vitrines!", disse um. "Mais fácil tolerar a morte de um negro do que a destruição de umas lojas de uma empresa bilionária", lamentou outro.

Televisão