PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Morre Charley Pride, pioneiro do country, vítima do coronavírus aos 86 anos

Charley Pride, no palco, em performance de 2016 - Reprodução/Instagram
Charley Pride, no palco, em performance de 2016 Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em Santos

12/12/2020 18h54

O cantor Charley Pride, um dos primeiros homens negros a fazerem sucesso no country, nos Estados Unidos, morreu hoje aos 86 anos em decorrência de complicações do novo coronavírus, informou seu assessor.

Pride recebeu, em novembro, um prêmio em reconhecimento à sua contribuição ao estilo musical, concedido pela Associação de Música Country norte-americana.

Dolly Parton, um dos mais importantes nomes do gênero, lamentou em seu Twitter.

"Estou de coração partido pela morte de um de meus mais antigos e queridos amigos, Charley Pride. Pior ainda saber que foi em razão da covid-19. Que vírus horrível. Charley, sempre vamos te amar", escreveu.

Pride era autor de hits como "Kiss an Angel Good Mornin'" e "Is Anybody Goin' to San Antone".

Famosos