PUBLICIDADE
Topo

Televisão

Xororó diz que se dependesse dele fim de Sandy e Junior não aconteceria

Júnior Lima, Xororó, Noely e Sandy - Manuela Scarpa/Photo Rio News
Júnior Lima, Xororó, Noely e Sandy Imagem: Manuela Scarpa/Photo Rio News

Do UOL, no Rio

11/04/2021 15h32

Xororó, pai de Sandy e Junior, falou que não queria o fim da dupla formada pelos filhos, em 2007.

"As pessoas me perguntavam se isso aconteceria um dia, se dependesse de mim, não teria acontecido", disse ele no primeiro episódio da série documental "A História", exibida hoje na Globo.

"Foi difícil para nós, mas hoje eu entendo muito mais", falou Noely, a mãe de Sandy e Junior.

A cantora lembrou que ela tinha 24 anos e o irmão 23, quando tomaram a decisão.

"A gente tinha necessidade de evoluir como artista".

Junior explica que em conversa sobre o planejamento sobre os novos rumos da dupla viu que não era o que queria.

"O encerramento veio muito pela busca de ser ouvido pela música que eu estava fazendo".

O documentário conta com depoimentos de vários artistas, entre eles Ivete Sangalo, Laura Pausini e Roberto Carlos.

'Fiquei muito preocupado de a gente não ter aquele espetáculo que a gente tinha antes", disse Roberto sobre o fim da dupla.

Sandy e Junior começaram a cantar juntos em 1989. A primeira apresentação na TV foi no programa "Som Brasil", comandado por Lima Duarte. Eles cantaram "Maria Chiquinha", a participação foi um sucesso e logo foram convidados para gravar um disco.

O episódio mostra o show da turnê de despedida, em 18 de dezembro de 2007, marcado por muita emoção. A dupla ficou separada por 12 anos e se reuniu temporariamente em 2019 para uma turnê comemorativa de 30 anos de carreira, que tem bastidores exibidos na série do Globoplay.

Nas redes sociais, muitos fãs ficaram saudosistas ao rever a dupla cantando na série.

Televisão