PUBLICIDADE
Topo

BBB21: Caio revela que quer casar logo e chamou Rodolffo como padrinho

Caio e a noiva, Waléria - Reprodução/Instagram
Caio e a noiva, Waléria Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

17/05/2021 12h13

O ex-brother Caio nunca escondeu na casa seu amor pela noiva Waléria e sua família. Assim que saiu do reality, ele não aguentou a emoção e pediu que a amada casasse com ele.

caio e noiva - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Caio e a noiva, Waléria
Imagem: Reprodução/Instagram

Um mês depois de sua eliminação, o goiano comentou com a #RedeBBB que não vê a hora de se casar com a noiva, que esta é uma das suas prioridades no momento. "Na casa, a gente consegue observar sentimentos guardados e descobrir alguns. Não sabia que cabia em mim tanto amor. Conforme eu fui observando isso a primeira ideia foi tornar o casamento uma prioridade. Estamos organizando para agendar o casamento no cartório o mais rápido possível", explicou.

Ele comenta também que quer uma cerimônia religiosa que só acontecerá quando a pandemia acabar: "Eu quero essa benção da Igreja e o compromisso, ter o meu sobrenome no nome dela. É uma forma de mostrar ainda mais amor. Trazer ainda mais união. Tentar mostra que é o que eu quero para o resto da minha vida. Fazemos questão demais da conta de ter isso no religioso."

caio e Rodolffo - Reprodução/Globoplay - Reprodução/Globoplay
BBB 21: Caio e Rodolffo comemoram na piscina
Imagem: Reprodução/Globoplay

Mas, se não tem data confirmada, uma coisa já está mais do que certa: quem será o padrinho da união, ninguém mais e ninguém menos que o colega de confinamento Rodolffo. "Ele ficou muito feliz e satisfeito. Não foi só por ficarmos juntos lá dentro da casa, mas pela intensidade, veracidade. Por todo apoio emocional que ele me deu lá dentro", acrescenta.

Os bastiões eram inseparáveis dentro do confinamento e parece que a amizade fora da casa continua rendendo, eles inclusive já se viram algumas vezes. "Ele ainda não veio aqui, mas já estivemos juntos na casa dele. Conversamos por telefone umas vinte vezes por dia."