PUBLICIDADE
Topo

Mangueira e outras escolas de samba prestam homenagens a Nelson Sargento

Nelson Sargento: Mangueira e outras escolas de samba prestam homenagens - Paula Giolito -14.mai.2014/Folhapress
Nelson Sargento: Mangueira e outras escolas de samba prestam homenagens Imagem: Paula Giolito -14.mai.2014/Folhapress

Do UOL, em São Paulo

27/05/2021 13h00Atualizada em 27/05/2021 13h12

A Estação Primeira de Mangueira, escola de samba do coração de Nelson Sargento, liderou um bloco de agremiações que lamentaram a morte do sambista — que faleceu hoje aos 96 anos em decorrência de complicações da covid-19.

Acadêmicos do Salgueiro, Império Serrano, Portela e Imperatriz Leopoldinense foram algumas das outras escolas de samba que homenagearam o sambista.

Mangueira

Em carta assinada por seu presidente, a Mangueira se despediu do seu maior baluarte vivo e afirmou que ele se juntará a Cartola, Nelson Cavaquinho e Jamelão, que já faleceram.

"A Estação Primeira de Mangueira agradece por tudo", afirmou.

Mocidade

A Mocidade Independente de Padre Miguel também agradeceu a Nelson Sargento por seu legado no samba.

"

Portela

Outra escola de peso a se solidarizar pela morte de Nelson Sargento foi a Portela e usou um trecho de samba de um de Beth Carvalho — outra mangueirense que já faleceu — para homenageá-lo.

Silêncio
O sambista está dormindo
Ele foi, mas foi sorrindo
A notícia chegou quando anoiteceu
Escolas, eu peço silêncio de um minuto

Silêncio no Bixiga - Beth Carvalho

Tijuca

A Unidos da Tijuca lamentou a morte de Nelson Sargento e afirmou que hoje suas "lágrimas são em verde e rosa".

Grande Rio

A Acadêmicos do Grande Rio também se despediu do baluarte mangueirense.

Império Serrano

O Império Serrano se despediu do sambista e disse que Nelson era um grande ícone do samba brasileiro.

"Estamos órfãos de um artista que fez história", declarou.

Imperatriz

A Imperatriz Leopoldinense também deixou sua mensagem de afeto à família de Nelson Sargento.

"A Imperatriz se solidariza aos amigos, familiares e a todos os sambistas que sentem a partida deste grande ser humano e importante para a história do samba."

a