PUBLICIDADE
Topo

Juliette fez como JK quando despertou para os homens: '50 anos em 5'

Juliette compartilhou sequência de fotos - André Nicolau/Instagram @juliette
Juliette compartilhou sequência de fotos Imagem: André Nicolau/Instagram @juliette

Colaboração para o UOL, em São Paulo

08/06/2021 10h21Atualizada em 09/06/2021 10h05

A campeã do "BBB 21" (TV Globo), Juliette Freire, nem sempre fez todo esse sucesso, inclusive com os homens. Em entrevista à revista Marie Claire, a advogada contou que, na adolescência, demorou a começar a paquerar porque tinha dificuldades com sua autoestima.

"Não me aceitava bem. Tinha muita espinha, usava aparelho e era bastante gordinha. Talvez por isso nem ligasse para paquera", relembrou.

No entanto, a nova milionária, que atualmente está solteira, tentou logo recuperar o tempo perdido assim que se viu interessada em namorar.

"Quando despertei, fiquei enxerida. Foi igual Juscelino Kubitschek, 50 anos em 5", se divertiu. Depois dessa descoberta, Juliette teve dois relacionamentos que considera sérios, sendo que, em um deles, chegou a ficar noiva.

A ex-sister conta que precisou buscar terapia ao perceber que o amor pelo ex-noivo havia se transformado em amizade, e retomou as sessões após sair do confinamento para, dessa vez, lidar melhor com o carinho do público.

"Minha vida nunca foi tranquila, mas após o programa tenho tido episódios de ansiedade. Fico suando frio, com o coração na boca, uma sensação de sufocamento mesmo. Tenho medo de não conseguir corresponder a tanto amor. Mas conheço minhas limitações e faço questão de deixar muito claro que não quero estar neste pedestal em que tentam me colocar."

Apesar de estar sozinha, Juliette planeja ter uma família no futuro.

"Havia decidido não ter filhos, mas existia uma dúvida carinhosa dentro de mim. Naquele período de extrema sensibilidade, meus sentimentos estavam mais fortes que minha razão. Então, comecei a cogitar [a maternidade]. Mas, antes, ainda quero outras coisas, inclusive me apaixonar. Se eu disser que quero ser mãe, já vão escolher o pai. Não quero isso, pelo amor de Deus. Meu filho agora é um milhão e meio", brincou Ju.