PUBLICIDADE
Topo

Origem pobre e visionário: quem é o chef do restaurante onde Gabigol esteve

Rodolfo de Santis, chef e empresário que fez fortuna no Brasil com uma rede de restaurantes - Reprodução/Instagram
Rodolfo de Santis, chef e empresário que fez fortuna no Brasil com uma rede de restaurantes Imagem: Reprodução/Instagram

Felipe Pinheiro

Do UOL, em São Paulo

10/06/2021 12h46

Gabigol causou confusão com a diretoria do Flamengo pela ausência no jogo de ontem em Curitiba pela Copa do Brasil. No mesmo dia, mais cedo, o jogador foi visto em um restaurante, em São Paulo. A reportagem do UOL apurou que o estabelecimento onde ele esteve é o Nino Cucina, renomado restaurante italiano do chef e empresário Rodolfo De Santis.

Gabigol é visto após sair de hotel em direção a restaurante em São Paulo - Lucas Ramos / AgNews - Lucas Ramos / AgNews
Gabigol é visto após sair de hotel em direção a restaurante em São Paulo
Imagem: Lucas Ramos / AgNews

O chef De Santis tem uma história de superação de encher os olhos. De origem humilde, filho de empregada doméstica e pai ausente, nasceu na região da Puglia, no sul da Itália. Passou a trabalhar como cozinheiro e aos 19 anos precisou parar de estudar para ajudar a família — os pais e os dos irmãos — com o salário que recebia.

Em entrevista à revista "GQ", em 2019, De Santis lembrou esta fase difícil de sua vida:

Engoli meu ego aos 14 anos quando eu e meus irmãos calçávamos sapatos furados e íamos à escola todo dia com o mesmo casaco.

Depois de ganhar experiência como cozinheiro em países da Europa, tendo trabalhado em restaurantes estrelados, chegou ao Brasil em 2012. Três anos depois abriu o Nino, no Itaim Bibi, o mesmo onde Gabigol esteve. Foi o início do pequeno império.

De Santis é um visionário que batalhou duro para crescer na vida. Hoje é sócio de uma rede de restaurantes. Em uma entrevista ao jornalista Arnaldo Lorençato, para a "Veja São Paulo", ele contou que chegava a receber 30 mil clientes por mês.

Esse é o Nino, o restaurante onde o Gabigol esteve:

O que ele viu para apostar no sucesso do Nino?

Queria fazer algo que me lembrasse a comida tradicional italiana. Simples, mas com ambiente descontraído. Sem ter um preço muito alto e sem ter aquela frescura. Gosto de ser mais direto — em entrevista à Veja São Paulo.

O chef e empresário já ganhou alguns reconhecimentos, como os prêmios de Melhor Chef e Melhor Restaurante Italiano da "Veja Comer e Beber" e Chef Revelação pela "Revista Prazeres da Mesa". E ele quer mais.

Entendo que colegas e donos de restaurantes não tiveram a opção de poder manter a própria equipe [durante a pandemia]. Essa situação triste me machucou muito, não tenho vergonha de dizer que já passei fome na minha infância e só quem passou fome de verdade consegue entender o que é isso.

De Santis criou três novos negócios durante a pandemia, período especialmente difícil para a sobrevivência de restaurantes.

Lute e não desista, para conquistar uma vida do tamanho dos teus sonhosRodolfo De Santis.

Voltaria a morar na Itália?

Realizado no Brasil, o chef não pretende voltar a viver em seu país natal. A não ser que fosse para passar férias.

Só vou a Itália para ver a minha mãe mesmo. A minha família hoje é a Famiglia Nino. Amo o Brasil. Vou voltar para a Itália de férias de vez em quando.

Em seu Instagram, além de fotos de deixar qualquer um salivando, De Santis mostra momentos de lazer, em viagens pelo mundo.